Vistorias itinerantes, provas práticas de habilitação e blitzes educativas em Cardoso, Italva, S.Fidélis e cidades da região

Detran-RJ vai promover ações em cidades que fazem parte do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento do Norte e Noroeste Fluminense (Cidennf); veja quais cidades
Imagem: divulgação

O presidente do Detran.RJ, Adolfo Konder, se reuniu nesta terça-feira (10/08) com os prefeitos de Italva, Léo Pelanca, e de Quissamã, Fátima Pacheco, representantes do Consórcio Público Intermunicipal de Desenvolvimento do Norte e Noroeste Fluminense (Cidennf). Atendendo à reivindicação do consórcio, o Detran vai levar vistorias itinerantes de veículos, provas práticas de habilitação, blitzes educativas e outras ações para os municípios integrantes do grupo – Bom Jesus do Itabapoana, Conceição de Macabu, Italva, Quissamã, Cardoso Moreira, São Francisco de Itabapoana, Campos e São Fidélis.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

“Os prefeitos nos trouxeram demandas importantes para o Norte e o Noroeste Fluminense e vamos começar uma série de ações conjuntas. Vamos levar vistorias itinerantes, serviços de habilitação, ações de educação no trânsito, blitzes educativas. Estamos estabelecendo uma parceria importante com as prefeituras, e também contribuindo para a municipalização no trânsito desses municípios. Com isso, estamos atendendo a recomendação do governador Cláudio Castro de dar atenção especial a essa região”, disse o presidente Adolfo Konder.

O prefeito de Italva, Léo Pelanca, agradeceu ao Detran pela receptividade às reivindicações e ao governador por abrir as portas para o Norte e Noroeste Fluminense. “Espero que esse trabalho seja o início de vários outros que virão para as nossas cidades”, disse ele.

A prefeita Fátima Pacheco concluiu: “Agradecemos ao presidente Adolfo pela reunião muito produtiva que tivemos. Agradecemos também ao governador Cláudio Castro por estar muito perto dos municípios do interior, levando ações importantes. Discutir com o Detran questões do trânsito significa muito mais que cumprir a legislação. É salvar vidas e garantir a mobilidade com segurança”, disse Fátima.

VEJA MAIS

VEJA MAIS