quarta-feira , 21 outubro 2020

Três meses depois, família segue procurando por idoso que desapareceu a caminho da rodoviária de São Fidélis No dia 1º de maio, ele esteve em uma agência bancária com um casal e casou dinheiro

No dia 1º de maio, ele esteve em uma agência bancária com um casal e casou dinheiro

Fotos: divulgação

Familiares de José Carvalho, de 74 anos, continuam sem entender o que aconteceu. Faz três meses e nove dias que José foi visto pela última vez em um ônibus em São Fidélis no dia 04 de fevereiro. No terminal da “cidade poema”, ele pegaria outro coletivo, mas para Niterói.

José é morador do município de Itaboraí, na Região Metropolitana do Rio. Ele veio para São Fidélis para visitar parentes em Valão dos Milagres, na zona rural. Quando foi visto pela última vez, José usava uma camisa vermelha, calça jeans e carregava duas bolsas pardas e uma transversal preta.

Nesta sexta-feira, familiares de José contaram ao SF Notícias que ele esteve em uma agência bancária de Maricá na companhia de um casal no dia primeiro de maio e fez a retirada do pagamento. A família foi acionada pela agência bancária.

O caso segue sendo investigado pela Polícia Civil. Apesar da idade, José continua trabalhando. Ele é funcionário da Expresso Miramar, em Niterói. Ele teria entrado de férias e viajado para rever os familiares. A família pede para aqueles que tiverem informações sobre ele possam ligar para os números (21) 9 9201 – 2997, (21) 2623-1607 ou (21) 2711-7007 (Expresso Miramar).

Mais do SFn