Temporal com granizo assusta moradores de Laje do Muriaé e outros municípios da região; veja o vídeo

A quantidade de granizo e o tamanho das pedras assustaram os moradores. Temporais com descargas elétricas, rajadas de vento e queda de granizo ocorreram em várias cidades da região. Em Cambuci, onde também choveu granizo, foram registrados mais de 60 milímetros de chuva

Tom Jobim já cantava avisando que as águas de março iriam fechar o verão; e como fecharam. Fortes chuvas atingiram cidades das regiões Norte e Noroeste nesta quarta-feira (31/03), fechando o mês de março. Leitores do SF Notícias relataram chuva forte em Laje do Muriaé, Cambuci, Cardoso Moreira, São Fidélis e Trajano de Moraes, além de pontos da zona rural de Itaperuna, Itaocara, São Fidélis e Santo Antônio de Pádua. Em Cambuci, por exemplo, a estação do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais registrou 67.2 milímetros de chuva. Em muitos desses locais houve queda de granizo. O local mais afetado pela queda de granizo entre os municípios do Norte e Noroeste Fluminense foi Laje do Muriaé.

continua após o vídeo

https://www.instagram.com/tv/CNHvF3yDhjC/?utm_source=ig_web_copy_link

Moradores se assustaram com a quantidade de granizo e o tamanho das pedras. Muitas casas tiveram telhas e vidros quebrados devido ao granizo. Um morador chegou a colocar pedras de granizo ao lado de um ovo dentro de uma tigela para comparar o tamanho. Também choveu granizo em Comendador Venâncio (Itaperuna), em Cambuci, em pontos da zona rural de Itaocara, em Trajano de Moraes, em Boa Nova (Pádua) e em Pureza e Angelim, em São Fidélis (veja a matéria de São Fidélis AQUI). Em nota, a Prefeitura de Laje do Muriaé informou que está à disposição dos moradores afetados pelo temporal e solicitou a todos que fiquem atentos ao clima, principalmente aqueles que residem em locais de risco como muros e barrancos. A Prefeitura informou ainda que disponibilizará abrigo e suporte para os necessitarem.

continua após a imagem

Os institutos de meteorologia haviam alertado para risco e condições favoráveis a temporais acompanhados de raios, queda de granizo e vento forte, com rajadas de vento variando entre 50 e 80 km/h. Segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos, a chuva também poderia vir acompanha de descargas elétricas. Já o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alertou para chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, e ventos intensos (60-100 km/h) e queda de granizo. Os dois institutos também haviam alertado para risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, quedas de árvores, inundações e alagamentos.

VEJA MAIS

VEJA MAIS