Saúde esclarece dúvidas sobre a vacinação de idosos contra a Covid-19 em São Fidélis

Pasta esclareceu dúvidas sobre agendamento, vacinação de acamados que têm menos de 60 anos, entre outras, confira:

Nesta terça-feira (02/02) a Secretaria Municipal de Saúde de São Fidélis, no Norte Fluminense, anunciou que iniciaria nesta quarta (03) a vacinação de idosos contra a Covid-19. Foi divulgado o calendário de vacinação, com cronograma que segue a determinação da Secretaria Estadual de Saúde do Rio de Janeiro, que poderá ser alterado de acordo com o número de doses fornecidas pelo Estado. A pasta informou que os idosos serão vacinados em suas residências, independentemente de serem acamados, domiciliados ou não, e que será necessário estar com CPF, Cartão de Vacinação e Cartão Nacional do SUS em mãos.

Entretanto, algumas dúvidas surgiram entre os moradores, entre elas, se seria necessário agendar a visita dos agentes de saúde. Ao SF Notícias, a Secretaria de Saúde, através da Secretaria de Comunicação Social, explicou que os Agentes Comunitários de Saúde já têm as pessoas cadastradas, mas, se por acaso alguém não estiver cadastrado pode fazer um agendamento no posto de saúde mais próximo de sua residência. Os agentes vão visitar as casas para aplicar a vacina em idosos acima de 60 anos, respeitando o cronograma do Estado. Já sobre as localidades que não aparecem no calendário divulgado a pasta esclarece que aquelas que não têm acesso a uma unidade de saúde, receberão a vacina de forma volante que será previamente informado.

Quanto aos bairros que não foram citados, como Parque Tinola, Cristo Rei e Barão de Macaúbas, por exemplo, os mesmos serão atendidos de acordo com o cronograma de bairros próximos, como Ipuca e Penha. Já se o idoso estiver apresentando sinais e sintomas de Covid-19, ele não receberá a vacina. Também serão vacinados, de acordo com o calendário divulgado, as pessoas que estão acamadas e têm menos de 60 anos. Quem não tiver o Cartão de Vacinação receberá um comprovante com a data aprazada da segunda dose. Reveja o calendário de vacinação AQUI.

VEJA MAIS

VEJA MAIS