Programa RJPET segue oferecendo castrações gratuitas para cães e gatos em São Fidélis

Ação é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de São Fidélis com a Subsecretaria de Proteção e Bem-Estar Animal - RJPET; veja como fazer o agendamento para castrar o seu animal

Imagem ilustrativa/ Hudson Pontes / Prefeitura do Rio

Castrar é um ato de amor, que traz diversos benefícios aos animais de estimação. Em São Fidélis, no Norte Fluminense, uma iniciativa da Secretaria Estadual de Agricultura, segue oferecendo castrações gratuitas para cães e gatos. O projeto – parceria entre a Subsecretaria de Proteção e Bem-Estar Animal – RJPET e a Prefeitura, contempla donos de pets e também protetores que administram algum espaço de acolhimento. Para se cadastrar é simples. Basta preencher os dados solicitados no site https://rjpet.com.br/ como nome completo, endereço, documentos e outros, depois ir na aba “Meus Pets”, adicionar novo, inserir os dados do seu animal e o próximo passo é agendar.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Para agendar basta clicar na aba “Agendamentos”, “adicionar novo”, ler e concordar com os termos da castração que aparecem na tela, e clicar em “criar novo agendamento”. O dono de pet vai então escolher a clínica desejada, data e horário para levar o animal. Para protetores a documentação necessária é documento de identidade com foto; documento de residência de São Fidélis; documento de um médico veterinário reconhecendo o trabalho de protetor realizado e documentos que comprovem a prática; dados completos do local de acolhimento dos animais e telefone e-email para contato.

As castrações estão sendo feitas de 08h às 13hs em uma clínica veterinária na Gamboa. Despesas com medicamentos, exames (se necessário), colar e roupa para o pós-operatório, entretanto, ficam a cargo do proprietário. O RJPET é uma subsecretaria da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento que visa, além da realização de ações de incentivo à adoção, promover medidas de conscientização, dar suporte no controle, prevenção e erradicação de doenças, apoiar programas e projetos de defesa e bem-estar de animais, incentivando, ainda, sua posse responsável.

VEJA MAIS

VEJA MAIS