sexta-feira , 30 outubro 2020
O crime aconteceu em um restaurante no Cônego. Marcelo Couto, de 41 anos, chegou a ser socorrido, mas não resistiu

PM reformado é preso acusado de matar churrasqueiro e balear filho da vítima em Friburgo

Um policial reformado, de 54 anos, foi preso acusado de matar um churrasqueiro e balear o filho do mesmo em um restaurante de Nova Friburgo. O crime aconteceu na noite desta sexta-feira (26/04) no Cônego.

Segundo informações da Polícia Militar, o policial reformado foi ao restaurante, de táxi, para fazer um pedido, mas acabou se envolvendo em uma discussão com o filho do churrasqueiro, um jovem de 18 anos, e com o churrasqueiro, que foi defender o filho.

Durante a discussão, o policial reformado retornou ao táxi que estava lhe esperando, pegou a arma, voltou ao estabelecimento e efetuou os disparos contra as vítimas. Marcelo Couto, de 41 anos, foi socorrido por populares e encaminhado ao Hospital Municipal Raul Sertã, mas não resistiu aos ferimentos.

O filho dele, que foi baleado na perna, também foi encaminhado ao hospital, e recebeu alta na manhã deste sábado (27). Já o policial, após os disparos, fugiu do local no táxi, mas acabou sendo preso em sua residência, onde os PMs encontraram a arma usada no crime. Ele já foi encaminhado para o Batalhão Prisional da PM.

Mais do SFn