Motorista que surpreendeu pacientes do setor de Covid no Dia das Mães recebe Moção de Aplausos em Itaocara

Pensando em levar alegria para algumas mamães que estavam internadas na luta contra o coronavírus, Rodrigo improvisou um buquê de flores e entrou no setor cantando
Fotos: Divulgação

No Dia das Mães ele surpreendeu pacientes internados no setor de Covid-19 do Hospital de Itaocara, no Noroeste Fluminense. Naquele dia, o Rodrigo Mota de Freitas, que trabalha como motorista de ambulância, pensando em levar alegria para algumas mamães que estavam internadas na luta contra o coronavírus, improvisou uma homenagem. Ele pegou flores, improvisou um buquê e entrou no setor cantando a canção “Como é grande o meu amor por você”. Já nesta terça-feira (18/05) foi a vez dele de ser homenageado. O profissional recebeu uma Moção de Aplausos da Câmara Municipal de Itaocara.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Continua após o vídeo

Rodrigo conta que a homenagem foi uma surpresa. “Foi algo inusitado pois não achei que iria repercutir tanto; algo que faço cotidianamente pois esse é meu jeito. Mas, aproveitei que no dia das mães foi aniversário de minha esposa e através disso aproveitei para usar o momento para dedicar a ela, pois ao lado de todo grande homem existe uma mulher maior ainda” – disse. O profissional relatou ainda que a esposa estava presente durante a homenagem. “Depois que, perante a todos da Câmera, dediquei a ela e disse que a amo ela não segurou as lágrimas. De alguma forma eu sou assim pois aprendo todos os dias com ela, foi o mínimo que pude fazer” – afirmou.

continua após a imagem

O itaocarense, que é motorista socorrista concursado e também faz transferências na UTI móvel, fez um agradecimento a todos que como ele, têm atitudes de amor ao próximo. “O agradecimento que tenho a fazer é pra todas as pessoas que fazem pequenos gestos para o próximo e que mesmo que ninguém saiba isso se torna grandioso, quem me dera se todos pudessem fazer esses pequenos gestos o mundo seria melhor para todos. Pequenos gestos podem mudar o mundo!” – destacou.

VEJA MAIS

VEJA MAIS