quinta-feira , 29 outubro 2020

Friburgo chega a 853 casos confirmados de Covid-19, sendo 53 mortes Bandeira vermelha está em vigor no município devido à alta taxa de ocupação dos leitos específicos para tratamento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19, registrada ao longo da última semana

Bandeira vermelha está em vigor no município devido à alta taxa de ocupação dos leitos específicos para tratamento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19, registrada ao longo da última semana

Fotos: Divulgação

Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio, chegou a 853 casos confirmados de coronavírus segundo dados do boletim epidemiológico publicado pela Prefeitura na noite desta segunda-feira (20). Desse total, 190 pessoas são profissionais da saúde, sendo que um deles faleceu. Ao todo, 53 pacientes diagnosticados com a doença faleceram no município e 383 moradores se recuperaram. Há 56 casos suspeitos em investigação, sendo 27 pessoas em casa, 24 internadas e cinco mortes suspeitas. Outros 1.735 casos foram descartados. Segundo o boletim referente a taxa de ocupação dos leitos Covid, até às 18h30 desta segunda, o Hospital Municipal Raul Sertã registrava 100% de ocupação dos leitos de UTI. Já dos 17 de enfermaria, 12 estavam ocupados (70,6%). O Hospital São Lucas tinha 11,1% de ocupação nos leitos de enfermaria e 83,3% dos de UTI. No Hospital da Unimed, a ocupação era de 23,8% nos leitos de enfermaria (5 dos 21) e 60% de UTI (6 ocupados dos 10 disponíveis). Já no Hospital Serrano a ocupação era de 28,6% dos leitos de enfermaria e 100% dos de UTI (2 leitos). No total, a taxa de ocupação dos leitos de UTI, nos quatro hospitais era de 82,1%. (continua após a publicidade)

A Bandeira Vermelha estará em vigor no município até o domingo (26). A cor da bandeira é definida considerando a taxa média de ocupação dos leitos de CTI/UTI, específicos para tratamento de casos suspeitos e confirmados de Covid-19, dos hospitais público e privados. Segundo a Prefeitura, a taxa apurada entre o último sábado (11), até sexta (17) obteve como média o percentual de 75%. Na Bandeira Vermelha as atividades comerciais e de prestadores de serviços em geral, ainda que localizadas em Centros Comerciais ou congêneres ficam suspensas, sendo autorizadas apenas atividades essenciais, como supermercados e farmácias. Restaurantes e lanchonetes funcionarão apenas nas modalidades delivery e retirada no estabelecimento com o produto embalado, sendo proibido o consumo no local. Bares permanecerão fechados. Confira o que fecha durante a Bandeira Vermelha AQUI.

Mais do SFn