Estudantes questionam demora no conserto de um dos ônibus da prefeitura

ONIBUS QUBRADO 2
Fotos: Manuela Escalla

Alunos que utilizam o transporte público da prefeitura de São Fidélis para se deslocarem a Campos dos Goytacazes, procuraram a nossa equipe essa semana para saber qual a razão da demora do conserto de um dos ônibus da prefeitura, que está parado em frente à secretaria de transporte, com o vidro frontal quebrado.

O ônibus que era conduzido pelo motorista Pedro, há 5 meses apresentou problemas no motor perto da localidade de Ernesto Machado, sendo encontrado também com o para-brisa do vidro frontal danificado.

A maior preocupação dos alunos, é a da volta das atividades do Instituto Federal Fluminense (IFF), que poderá fazer com que os ônibus fiquem lotados novamente.

Para responder a estes questionamento, procuramos o secretário de transporte Ildefonso Tito de Azevedo, que confirmou que quando assumiram à secretaria de transporte, o ônibus estava necessitando de retifica de motor e que  o tempo mínimo desse serviço é de três semanas.

“Isso porque o trabalho é feito em uma oficina especializada, que já  emitiu-se para mim a nota da franquia,  tendo que ser paga à vista, e já está sendo providenciado o empenho do pagamento, acredito que nessa semana, provavelmente, estaremos com o vidro pronto.” Disse Ildefonso.

Também segundo ele,  após o motor do ônibus ficar pronto, houve a espera pelo para-brisa, entraram em contato com a seguradora e a mesma demorou a tirar a fotografia do ônibus e as medidas do vidro, que é o que falta para o ônibus circular.

Foto enviada pelo WhatsApp por um leitor
Foto enviada pelo WhatsApp por um leitor

“Estamos dedicando a maior atenção com relação a manutenção da mecânica dos ônibus da prefeitura, pois hoje a ordem do prefeito é para nos dedicarmos ao máximo, possibilitando o maior número possível de ônibus para os estudante, sem deixar que esses alunos corram riscos nesse transporte.” Finalizou o secretário.

Na noite do dia 12/05, segunda-feira, mais um ônibus da prefeitura quebrou no meio da estrada, sentido Campos a São Fidélis, em que os alunos que estavam nesse transporte tiveram que embarcar em outros ônibus que pararam para ajudar.

 

VEJA MAIS

VEJA MAIS