Ciclone subtropical em alto-mar: alerta de ressaca e mar agitado no litoral fluminense

Segundo a Climatempo, a altura das ondas varia entre 3 metros e 4 metros nas praias entre o Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, sendo maiores no litoral do Rio. Rajadas de vento devem ser intensas, por volta de 80km/h

Imagem: Prefeitura de Campos

A Marinha do Brasil, através do Centro de Hidrografia da Marinha (CHM), em colaboração com o Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC/INPE) e o Centro Integrado de Meteorologia Aeronáutica da Força Aérea Brasileira (CIMAER/FAB), informou que houve a formação de um ciclone subtropical em alto-mar. A baixa pressão atmosférica continuou evoluindo, e nesta terça-feira (20) a Marinha classificou este sistema oficialmente como tempestade subtropical, que recebeu o nome de “Potira“. Segundo a Climatempo, até a sexta-feira, 23 de abril, há previsão de ressaca, com destaque para a quarta e quinta-feira, dias 21 e 22 de abril, quando o mar fica muito agitado, com ressaca intensa.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Ainda de acordo com a Climatempo, a altura das ondas varia entre 3 metros e 4 metros nas praias entre o Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro, sendo maiores no litoral do Rio de Janeiro. Em mar aberto, a altura das ondas fica em torno de 6 metros. Por causa das condições muito duras de vento e de mar previstas para os próximos dias é altamente desaconselhável a navegação no trecho costeiro entre o RS e o RJ, assim como nas áreas mais afastadas da costa.

No litoral fluminense o vento predominante é do quadrante sudoeste, segundo a Climatempo. A previsão é de vento mais intenso no decorrer da terça-feira (20) com rajadas entre 60 e 80km/h podendo ser ainda mais intensas, por volta de 80km/h, na região de Cabo Frio e o Cabo de São Tomé. Nas praias do Rio de Janeiro, as ondas vêm de sul e a altura das ondas à noite nesta terça chega a 3 metros. Na noite de quarta (21), o mar fica ainda mais agitado, com ressaca em todo o litoral entre o Rio Grande do Sul e o Rio de Janeiro. A altura das ondas fica entre 3 e 3,5m nas praias fluminenses.

VEJA MAIS

VEJA MAIS