Witzel sanciona lei que concede pensão especial para herdeiros de servidores estaduais mortos por Covid-19

Famílias de profissionais da segurança pública, saúde e assistência social receberão 100% do benefício
Foto: reprodução

O governador Wilson Witzel sancionou, nesta quinta-feira (04/06), lei que estende o adicional de 100% na pensão por morte de servidores estatutários da segurança pública, saúde e assistência social que tenham falecido em decorrência da covid-19 durante a função. O projeto foi encaminhado pelo Executivo à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) e faz parte de um pacote de ações que visa minimizar os impactos da pandemia do novo coronavírus em território fluminense. A lei n° 8.865 estabelece que, enquanto durar o decreto de calamidade pública no estado, a pensão especial será estendida aos seguintes profissionais: policiais civis e militares, bombeiros militares, inspetores de administração penitenciária, agentes socioeducativos e servidores estaduais que atuam no programa Segurança Presente e nas operações Barreira Fiscal e Lei Seca.

“Esta foi a forma que o Governo do Estado encontrou para reconhecer os serviços prestados por aqueles profissionais que estão na linha de frente nos diversos órgãos da administração pública. Sabemos o quanto os trabalhadores se dedicam no atendimento à população fluminense e, por isso, é justo que seus familiares sejam amparado em um momento tão difícil, que é o falecimento do ente querido”, afirmou o presidente do Rioprevidência, Sérgio Aureliano. 

VEJA MAIS

VEJA MAIS