Vítima de homicídio em Guapimirim, também era fidelense

Fotos: Redação
Fotos: Redação

Foi identificada a vítima de um homicídio ocorrido no início da tarde de ontem na localidade de Parada Modelo, no município de Guapimirim, onde dois Fidelenses foram presos acusados pelo crime.

João Francisco Guerra Campanelli, de 64 anos, foi assassinado com pelo menos um tiro na cabeça, por Wanderley Pinheiro da Silva, de 54 anos, e Daniel da Silva Stellet, de 27 anos que confessaram o crime após serem presos pela Polícia Rodoviária Federal em Campos. Segundo os Executores os mesmos vinham sofrendo ameaças da vítima por causa de uma dívida. Até a filha de um dos acusados teria sido ameaçada segundo a PRF.

A vítima foi encontrada em um veículo modelo Jetta de cor prata  que estava no estacionamento de um posto de gasolina com um tiro na cabeça.

João Campanelli era fidelense, engenheiro,  foi secretário de obras no governo de Guilherme Tito e candidato a prefeito para o pleito de 1987. Atualmente, vivia em Guapimirim.

Mais do SFn