Terça-feira começa com aumento da gasolina e do diesel nas distribuidoras

O valor final nos postos para os motoristas agrega outros custos e varia segundo o mercado

A terça-feira (26/10) começou com mais um aumento nos combustíveis, dessa vez, na gasolina e no diesel. O aumento é nas distribuidoras, mas chegará aos consumidores nas bombas dos postos. O preço médio de venda da gasolina A da Petrobras para as distribuidoras teve um reajuste médio de R$ 0,21 por litro, passando de R$ 2,98 para R$ 3,19 por litro, uma alta de 7,04%.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Já o preço médio de venda da Petrobras para as distribuidoras do diesel passou de R$ 3,06 para R$ 3,34 por litro, um reajuste médio de R$ 0,28 por litro (alta de 9,15%). Segundo a Petrobras, os ajustes são importantes para garantir que o mercado siga sendo suprido em bases econômicas e sem riscos de desabastecimento pelos diferentes atores responsáveis pelo atendimento às diversas regiões brasileiras: distribuidores, importadores e outros produtores, além da Petrobras.

De acordo com a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes, os preços dos combustíveis são livres em todos os segmentos e, a Federação não interfere no mercado. Cabe a cada posto revendedor decidir se repassa o aumento de preços nas refinarias ao consumidor final, “de acordo com suas estruturas de custo”.

VEJA MAIS

VEJA MAIS