São Fidelis receberá Programa Limpa Rio para limpeza e desassoreamento de valões

O Secretário de Estado do Meio Ambiente e Sustentabilidade, Thiago Pampolha, estará no município ainda esse mês para o lançamento do programa

O município de São Fidélis, no Norte Fluminense, receberá em breve o Programa Limpa Rio, desenvolvido pelo Instituto Estadual do Ambiente em parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente. O objetivo do programa é fazer a limpeza e o desassoreamento córregos e rios do estado do Rio. Em São Fidélis o programa atuará principalmente no Valão da Esperança e no Valão Catarina, que cortam o perímetro urbano e transbordam em épocas de cheias. Nesta quarta-feira (14/07), o Diretor de Recuperação Ambiental do INEA, Engenheiro Ricardo e a Engenheira de fiscalização Débora estiveram em São Fidelis para fazer uma vistoria nos pontos onde o programa atuará.

Tem Instagram  Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Eles foram acompanhados do chefe do núcleo do Parque Estadual do Desengano em São Fidélis, José Guilherme, e de outros representantes do município, como a Secretária de Desenvolvimento Ambiental, Jadária Raposo, o Secretário de Planejamento, Jamilton Serpa, e o Superintendente da Defesa Civil, Marcos Barreto. A vinda do programa ao município atende a uma solicitação feita pelo José Guilherme ao Secretário de Estado do Meio Ambiente e Sustentabilidade (ofício ao lado).

De acordo com José Guilherme, o Valão Catarina será alvo de grandes intervenções por parte do Programa Limpa Rio, além de diversos outros locais que serão beneficiados. O Secretário de Estado do Meio Ambiente e Sustentabilidade Thiago Pampolha estará vindo ao município ainda esse mês para o lançamento do programa, formalizando a parceria entre o município de São Fidélis e o governo do estado do estado. “Um programa muito importante que com certeza trará muitos benefícios para o nosso município. Quero agradecer ao Secretário Thiago Pampolha por atender essa nossa solicitação e também ao prefeito Amarildo pela parceria”, disse José Guilherme.

VEJA MAIS

VEJA MAIS