Professora de Cambuci, de 52 anos, morre diagnosticada com Covid-19

A professora é a sétima vítima fatal da Covid-19 no município

Foi confirmada a sétima morte de um paciente diagnosticado como coronavírus em Cambuci, no Noroeste Fluminense. A informação foi apurada pela redação do SF Notícias. A vítima, de 52 anos, estava internada no Hospital de Bom Jesus do Itabapoana. A vítima era professora da escola do distrito de São João do Paraíso, e morreu na manhã desta terça-feira (15/12). De acordo com dados divulgados nesta segunda (14) pela Prefeitura de Cambuci, até o momento o município já registrou 303 casos positivos de Covid-19, sendo que 281 pessoas já se recuperaram. No momento o município tem 14 pessoas – que testaram positivo – em isolamento domiciliar e uma internada. Cambuci tem ainda 86 casos considerados suspeitos, todos em isolamento domiciliar.

A professora era moradora do distrito de São João do Paraíso, distrito com maior número de mortes em Cambuci. De acordo com dados da prefeitura, o distrito já registrou 73 casos de Covid-19, sendo que 66 pessoas já se recuperaram e quatro morreram. No momento, três moradores do distrito, que testaram positivo para coronavírus, estão em isolamento domiciliar. Há 16 casos suspeitos no distrito, e todos também estão em isolamento domiciliar.

VEJA MAIS

VEJA MAIS