quinta-feira , 24 setembro 2020

Prefeitura de Cantagalo confirma primeira morte de paciente diagnosticado com Covid-19 Segundo a Prefeitura, o paciente apresentava problemas renais e deu entrada para este tratamento na rede hospitalar de outro município, permanecendo internado por 23 dias, onde contraiu a doença

Segundo a Prefeitura, o paciente apresentava problemas renais e deu entrada para este tratamento na rede hospitalar de outro município, permanecendo internado por 23 dias, onde contraiu a doença

Foto: Reprodução

A Prefeitura de Cantagalo, na Região Serrana do Rio, confirmou nesta segunda-feira (25/05) a primeira morte de um paciente diagnosticado com o coronavírus. Segundo a Prefeitura, o paciente apresentava problemas renais e deu entrada para este tratamento na rede hospitalar de outro município, permanecendo internado por 23 dias, onde contraiu a doença (COVID-19). O óbito ocorreu no dia 13 de maio, e desde então encontrava-se como morte suspeita em investigação no boletim de Cantagalo. “Mediante o resultado do Lacen atestando positivo para Covid-19, entra agora para o boletim como óbito confirmado. Reforçamos como informado previamente que o paciente apresentava comorbidades e havia sido internado para realizar procedimento de hemodiálise” – ressaltou a Prefeitura. (continua após a publicidade)

O novo boletim epidemiológico de Cantagalo traz – do total de 14 testados – quatro casos positivos, sendo uma morte, três recuperados, nove casos descartados e um paciente aguardando resultado do laboratório de referência (LACEN-RJ). “Reforçamos que permaneçam em suas casas. O isolamento social é o recomendado pela Organização Mundial de Saúde para diminuir a transmissão do novo Coronavírus. Se for de extrema necessidade sair de casa, use uma máscara de proteção facial” – orientou a Prefeitura.

Mais do SFn