quinta-feira , 29 outubro 2020

Prefeito de Macaé testa positivo para o novo coronavírus Prefeitura diz que município possui 38 casos de coronavírus confirmados e quatro mortes. Embora a Prefeitura de Macaé confirme todos esses casos, a Secretaria de Estado de Saúde confirma 20 casos e apenas duas mortes

Prefeitura diz que município possui 38 casos de coronavírus confirmados e quatro mortes. Embora a Prefeitura de Macaé confirme todos esses casos, a Secretaria de Estado de Saúde confirma 20 casos e apenas duas mortes

Fotos: Prefeitura

O prefeito de Macaé, Dr. Aluízio dos Santos ou Dr. Aluízio, testou positivo para o novo coronavírus. A informação foi divulgada oficialmente pela assessoria de imprensa da Prefeitura na noite desta quinta-feira (16). Segundo a nota, o prefeito – que é médico neurocirurgião – está bem e segue em observação hospitalar. Macaé foi um dos primeiros municípios do estado a criar um Centro destinado para pessoas com suspeita da doença. De acordo com o último boletim epidemiológico, o município possui 38 casos de coronavírus confirmados e quatro mortes. A primeira morte na cidade foi registrada no último dia 06. Trata-se de um idoso que tinha problemas de saúde. A segunda morte foi confirmada na última quinta-feira (09), e segundo a Prefeitura, também trata-se de um idoso. Já a terceira morte foi registrada no último dia 11, e a vítima é um homem, de 58 anos, que tinha outras comorbidades. A quarta morte foi confirmada na quarta-feira (15), e trata-se de uma mulher de 29 anos, que tinha comorbidades e já havia sido confirmada com Covid-19. Embora a Prefeitura de Macaé confirme todos esses casos, a Secretaria de Estado de Saúde contabiliza 20 casos e duas mortes.

Desde que foi inaugurado, em 17 de março, até o dia 13 de abril, o Centro de Triagem realizou 3.572 atendimentos com 456 notificações de síndrome gripal. Entende-se por síndrome gripal febre, associada a sinais e sintomas como tosse, dificuldade de respirar, produção de escarro, congestão nasal ou conjuntival, dificuldade para deglutir, dor de garganta, coriza, saturação de oxigênio menor de 95%, sinais de cianose (coloração azul-arroxeada da pele), batimento das asas do nariz, tiragem intercostal e dispneia. A síndrome gripal pode ser leve, moderada ou grave. O paciente é encaminhado ao HPM quando apresenta síndrome respiratória grave, febre alta, tosse intensa e falta de ar importante. O Centro de Triagem funciona 24 horas no antigo Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas. O endereço é Rua Tenente Coronel Amado, 225, no Centro. Os telefones são 2796-1015 e 2796-1344.

Mais do SFn