Pré-candidato a prefeito de São João da Barra, radialista Emilson Amaral morre com Covid-19

Ele foi internado na sexta (04) em um hospital de Campos com quadro de insuficiência respiratória aguda
Fotos: Reprodução

São João da Barra está de luto devido à morte do radialista Emilson Amaral, de 63 anos, que era pré-candidato a prefeito no município. Diagnosticado com o novo coronavírus, ele faleceu na tarde deste sábado (05/09) no Hospital Dr. Beda, em Campos dos Goytacazes. Em uma publicação em uma rede social, uma irmã de Emilson relatou que ele havia feito o teste para Covid-19 na sexta (04) e o resultado, que foi positivo, só sairia no sábado. Ele piorou na noite de sexta e foi internado no mesmo dia com quadro de insuficiência respiratória aguda. Após piorar novamente, ele foi levado para a Unidade de Terapia Intensiva, e segundo a irmã do mesmo, ele teve uma parada cardíaca e não resistiu. Emilson deixa esposa, dois filhos e uma neta. (continua após a publicidade)

No dia 1º de setembro, Emilson, que era proprietário de uma empresa de sonorização e iluminação e atuava na rádio Barra FM, 87,9, informou aos seguidores em uma rede social que não iria realizar uma transmissão ao vivo naquele dia pois estava tossindo muito e foi orientado pelo médico a não fazer a live, para não irritar as cordas vocais. Amigos, familiares e colegas de profissão lamentaram a morte do radialista. “Um homem que foi o baluarte da rádio comunicação de São João da Barra e sem dúvidas o maior de toda a história e um dos melhores de toda a região. É uma perda sem tamanho e que fará muita falta para o município. De um coração enorme, gostava sempre de ajudar as pessoas. Agradeço por sua amizade. Fica a lembrança dos seus discursos nos comícios e reuniões, era de nos emocionar e motivava a todos” – diz uma das publicações.

VEJA MAIS

VEJA MAIS