segunda-feira , 26 outubro 2020

Polícia Civil deve mais de R$ 80 milhões em 13º e RAS aos agentes do Rio Comissão da Alerj se reunirá com o governador para buscar solução para a greve da categoria

Comissão da Alerj se reunirá com o governador para buscar solução para a greve da categoria

Foto: Divulgação/ Alerj

O Secretário de Estado de Segurança Pública, Roberto Sá, informou em reunião realizada nesta terça-feira (21/03) na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), que são necessários R$ 82 milhões para quitar o pagamento do 13º e o Regime Adicional de Serviço (RAS) dos Policiais Civis do Rio.

Segundo o secretario, o RAS não é pago desde agosto de 2016 e o Sistema de Metas não é repassado desde dezembro de 2015, devido ao estado de calamidade pública do Estado. A categoria entrou em greve em janeiro deste ano.

Na próxima segunda (27/03) será realizada uma reunião entre a Comissão de Segurança Publica e Assuntos de Polícia da Alerj e o governador Luiz Fernando Pezão para tentar encontrar uma solução para a greve.

O presidente da Coligação dos Policiais Civis do Rio (Colpol), Fábio Neira, que também participou da reunião de ontem, espera que o encontro com Pezão possa trazer esperanças para a classe e ao menos um calendário de pagamentos.

Mais do SFn