Polícia Ambiental constata denúncia de desmatamento em área de preservação em São Fidélis

Policiais encontraram árvores cortadas, todas com características de nativa, em estágio inicial e médio de regeneração natural.

imagens: Polícia Ambiental – Linha Verde

Policiais da Unidade de Policiamento Ambiental do Parque Estadual do Desengano flagraram, nesta sexta-feira (17), uma área de preservação permanente sendo desmatada na zona rural de São Fidélis. Os agentes chegaram ao local após terem recebido denúncias encaminhadas pelo Linha Verde, programa do Disque Denúncia voltado para o meio ambiente.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

De acordo com o Linha Verde, os policiais foram até a localidade conhecida como Retiro Saudoso para verificar denúncias, e durante a fiscalização, encontraram árvores cortadas, todas com características de nativa, em estágio inicial e médio de regeneração natural. Os troncos cortados foram utilizados para a construção de uma cerca e área de lavoura, degradando assim cerca de mil metros quadrados de terreno. Ainda de acordo com os agentes, toda essa intervenção ocorria a menos de 30 metros de um curso de água. Um morador que passava pelo local foi contactado pelos policiais e informou que o terreno havia sido arrendado, mas o dono do mesmo não se encontrava no momento da fiscalização. Com base então no artigo 38 da lei de crimes ambientais além do artigo 4º da lei 12.651, a equipe da UPAm procedeu à 141ª Delegacia de polícia da cidade, onde após perícia, a ocorrência foi registrada.

O Linha Verde reforça a solicitação para que a população continue denunciando crimes ambientais em todo o Estado do Rio através dos telefones 0300 253 1177 (interior, custo de ligação local) ou 2253 1177 (capital), além do APP “Disque Denúncia RJ” disponível para celulares. Por essa modalidade, o denunciante pode enviar fotos e vídeos, com a garantia do anonimato. É possível denunciar também através da página do Linha Verde no Facebook, www.facebook.com/linhaverdedd ou ainda pelo site do Disque Denúncia (www.disquedenuncia.org.br). Lembrando que em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

VEJA MAIS

VEJA MAIS