Órgãos municipais e estaduais fazem levantamento dos danos após cabeça d’água na região de Ernesto Machado

Equipes da assistência social do município, do Inea e o vereador Chico de Dadal percorreram os locais afetados

Nesta segunda-feira (14), um dos locais mais atingidos pela cabeça d’água que devastou pontos de Ernesto Machado e as localidades de Bom Jesus e Copinho, recebeu a visita dos órgãos municipais e estaduais. Estiveram presentes representantes da assistência social do município fazendo o cadastro dos moradores afetados pela cabeça d’água.

Uma equipe do Inea, representada por José Guilherme, também esteve na região de Ernesto Machado, além do vereador recém-empossado, Chico de Dadal, que mora em Ernesto e vem percorrendo os locais afetados. Moradores devem receber suporte dos órgãos competentes.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

A equipe do Inea também esteve no local e já disponibilizou um caminhão para retirada da lama. O órgão informou que na próxima semana a região irá receber uma visita técnica dos engenheiros para analisar as situações dos córregos que tiveram seus cursos alterados. “O que vimos aqui hoje é um cenário desolador. Muitas famílias perderam tudo e não sabem nem como fazer para sobreviver daqui pra frente. Já estamos colocando um caminhão a disposição da localidade e faremos de tudo para tentar amenizar o sofrimento dessa população”, disse José Guilherme, gestor da subsede do Parque Estadual do Desengano.

continua após as imagens

Quem também esteve acompanhando e prestando todo apoio às equipes foi o vereador Chico de Dadal. Ele é morador da localidade e está desde sábado nas ruas ajudando a comunidade. Apesar de estar na primeira semana do seu mandato, Chico já está trabalhando muito pela localidade de Ernesto, local onde ele nasceu e reside até hoje, tendo um enorme carinho por essa localidade. O vereador conseguiu um auxílio da prefeitura com uma máquina para desentupir manilhas que estavam obstruídas. O vereador também conseguiu acertar uma ponte que estava caída.

Moradores foram surpreendidos pelo grande volume de água, que provocou o transbordamento do córrego que passa pelas localidades de Bom Jesus e Ernesto Machado. Na região de Bom Jesus, a água chegou a mais de um metro de altura. Alguns moradores precisaram ser regatados por equipes da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros, e muitos perderam todos seus pertences.

Veja relatos de moradores e mais informações sobre a chuva em Copinho, Bom Jesus e Ernesto Machado, e outras imagens e vídeos no link > AQUI. No nosso Instagram você também encontra outras imagens. Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias. Veja abaixo imagens da chuva deste sábado:

VEJA MAIS

VEJA MAIS