Novo decreto libera reabertura de cinemas em Campos com redução de capacidade

Campos se mantém no nível III – fase amarela. Estão mantidas ainda as liberações constantes no decreto nº 53/2021 de entrada nos shoppings centers para idosos e crianças

Imagem: Reprodução/ Boulevard Shopping

Um novo decreto publicado pela Prefeitura de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, que atualiza as medidas de prevenção e combate à Covid-19, liberou o funcionamento dos cinemas no âmbito da municipalidade com redução de capacidade em 30% dos espectadores, respeitando o protocolo “Regras da vida” e protocolos específicos da Vigilância Sanitária. Os cinemas estão fechados no município desde março do ano passado. Segundo o novo decreto, Campos se mantém no nível III – fase amarela, que indica situação de atenção máxima do Plano de Retomada das Atividades Econômicas e Sociais. As novas medidas valem até a próxima segunda-feira (08).

O decreto nº 071/2021 também libera para uso os dispositivos públicos pertencentes à Fundação Cultural e Jornalística Oswaldo Lima, exclusivamente para a administração pública de forma institucional, devendo estes espaços estarem restritos em sua capacidade a 30% (trinta por cento). Ficam mantidas as liberações constantes no decreto nº 53/2021 de entrada nos shoppings centers para idosos e crianças, bem como atividade de bares, restaurantes e congêneres até as 00h, estando permitida a atividade de música ao vivo com dois componentes devendo ser respeitado o distanciamento social e as regras de higiene.

De acordo com a Prefeitura, algumas atividades ficam mantidas com restrições, entre elas, a redução da capacidade de circulação de pessoas em ônibus, vans e outros meios de transporte coletivo em 50%, bem como a recomendação que os táxis e motoristas de aplicativos trabalhem com vido dos carros abertos. Fica mantida ainda a redução em 30% da capacidade de lotação dos estabelecimentos bancários, lotéricas, correios e congêneres cabendo à gerência destes estabelecimentos a responsabilidade de organizar filas externas e evitarem aglomerações. Seguem suspensos grandes eventos, como shows com música ao vivo com banda e similares.

VEJA MAIS

VEJA MAIS