No mês em que celebra 80 anos, biblioteca de São Fidélis recebe mais de 300 livros e selo “O Brasil Que Lê”

Nesta semana o acervo da biblioteca ganhou mais de 300 novos livros. São livros de literatura brasileira e internacional, de ficção clássica e contemporânea
Fotos: SF Notícias/ Divulgação

O Museu e Biblioteca Corina Peixoto de Araújo, em São Fidélis, no Norte Fluminense, celebra neste mês de outubro 80 anos de fundação, com muitas novidades para a população. Nesta semana o acervo da biblioteca ganhou mais de 300 novos livros, através de uma parceria fértil com a Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, por meio da Superintendência de Leitura e Conhecimento. São livros de literatura brasileira e internacional, de ficção clássica e contemporânea. Os representantes fidelenses – os servidores Pedro Silva e Ronaldo Barcelos foram até a Biblioteca Parque Estadual para buscar as obras, onde aproveitaram para realizar uma visita técnica no local e buscar inovações para os serviços bibliotecários de São Fidélis.

Tem Instagram ❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Os servidores estiveram ainda com a Daniella Cavalcante, coordenadora do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas -SEBP, e com Dauá Puri, ativista dos direitos indígenas e escritor. A biblioteca recebeu ainda cerca de 20 novas obras referentes à raiz indígena comum a todos os brasileiros, bem como títulos relacionados ao tema dos direitos humanos, que foram buscados na aldeia vertical do Rio de Janeiro, uma experiência pioneira que teve início em fins do séc. XX. No local foi ainda apresentada a dinâmica de vivência e preservação do patrimônio cultural.

Selo “O Brasil Que Lê”
Dentre mais de mil projetos inscritos, confirmando sua presença no mapeamento de instituições, práticas e ações que incentivam a leitura em todo o país a Biblioteca Municipal também recebeu neste mês o selo “O Brasil Que Lê”. A pesquisa reúne, em parceria, o Instituto Itaú Cultural, a JCastilho Consultoria, a Cátedra UNESCO (Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura) de Leitura e o Instituto Interdisciplinar de Leitura da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, e tem como objetivo enumerar e exibir ações que ajudem a construir o Brasil por meio da leitura e da cultura.

Foram consideradas, principalmente, as iniciativas tomadas pela Biblioteca para vencer os desafios proporcionados pela pandemia e permanecer com os mecanismos de incentivo à leitura. Numa parceria com a Secretaria Municipal de Comunicação Social de São Fidélis, são postadas semanalmente dicas de leitura de seu acervo nas redes sociais do município. Além disso, por exemplo, a biblioteca abriu o Serviço de Atendimento Virtual – SAV, pelo aplicativo WhatsApp, no número (22) 2758 6829. Por meio dele, é possível consultar o acervo, renovar empréstimo de livros, receber dicas personalizadas de leitura e ter os diversos serviços oferecidos pela instituição. Na semana da Festa do Padroeiro deste ano, por meio de seu SAV, a Biblioteca Municipal enviou vídeos especiais sobre a história e a cultura da cidade, hoje disponíveis no canal do Museu e Biblioteca Corina Peixoto de Araújo no YouTube.

 

VEJA MAIS

VEJA MAIS