Mulher é esfaqueada em distrito de Cantagalo; ex-namorado é considerado foragido

Vítima estaria acompanhada da filha quando foi abordada pelo suspeito; ela teria sido atingida por pelo menos três golpes de faca

A Polícia Civil, através da 153ª Delegacia de Polícia de Cantagalo, município da Região Serrana do Rio, faz buscas para tentar localizar um homem que é o principal suspeito de ter esfaqueado uma mulher na noite da última sexta-feira (27/11). O crime aconteceu no distrito de Santa Rita da Floresta. A vítima, identificada como Jéssica Marques, de 37 anos, foi socorrida por uma ambulância do SAMU e encaminhada ao hospital do município, onde passou por cirurgia e permanece internada. Ela teria sido atingida por pelo menos três golpes de faca. Ao SF Notícias, o delegado responsável pelo caso, Dr. Robson Pizzo, informou que o mandado de prisão temporária já foi expedido e que o suspeito já é considerado foragido da Justiça.

A vítima trabalha e mora em Além Paraíba, município de Minas Gerais, e havia ido para o distrito de Cantagalo para visitar os filhos. Segundo a polícia, informações preliminares apontam que a vítima estava acompanhada da filha de 08 anos no momento da tentativa de feminicídio. Essa informação ainda não foi totalmente confirmada pela polícia, já que as duas ainda serão ouvidas. Jéssica teria sido abordada pelo suspeito quando voltava para a casa da mãe após ter ido a um churrasco. Ainda segundo as primeiras informações, teria ocorrido uma discussão, já que a vítima estaria rompendo com o relacionamento, e durante essa discussão, ocorreu o crime.

A delegacia de Cantagalo, onde um inquérito foi instaurado, segue investigando o crime. Ao portal G1, um parente de Jéssica informou que ela também possui um filho de 15 anos, e que o menino não quer mais morar no distrito após o ocorrido. Ele informou também que a vítima era constantemente agredida pelo namorado, mas nunca registrou ocorrência.

VEJA MAIS

VEJA MAIS