Moradora de Cordeiro é vítima de golpe no WhatsApp e perde dinheiro destinado a aluguel

O golpista se passou pelo locador da casa que ela mora e enviou uma conta para que o dinheiro referente ao aluguel fosse depositado; ela teve um prejuízo de R$ 400
Imagem: divulgação arquivo pessoal

Uma moradora de Cordeiro, na Região Serrana do Rio, Elaine Moraes, mais conhecida no município como “Elaine da Batata”, acabou sendo vítima de um golpe aplicado por criminosos através do WhatsApp nesta terça-feira (13/07), o chamado “golpe do novo número”. Para extorquir dinheiro da vítima, o golpista cria um perfil no aplicativo de mensagens, inicia uma conversa e diz que trocou de número. Posteriormente o criminoso começa a pedir dinheiro e cria desculpas para justificar as transferências. No caso de Elaine, o golpista se passou pelo locador da casa em que ela mora. “Se passaram pelo dono da casa. Na correria do dia a dia, como ele não usa foto dele, nem reparei se era ele mesmo. Disse que o telefone deu defeito e estava com número novo” – relata Elaine.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Elaine conta ainda que a pessoa começou a falar sobre o aluguel, questionando se a mesma iria depositar ou pagar pessoalmente. Se passando pelo locador, o golpista disse que estava com uma conta nova, se Elaine poderia depositar na conta da sobrinha. “Falei que como o aluguel só vence dia 20 não tinha o dinheiro todo e que sábado depositaria o restante” – conta. Ela foi até o banco e depositou R$ 400,00 na conta enviada pelo criminoso. Depois, Elaine levou a filha pequena ao hospital, e só nesta quarta pela manhã se deu conta de que se tratava de um golpe. “Fui pra delegacia, fiz um boletim de ocorrência, já entrei em contato com a Caixa Econômica. Não vou ter o dinheiro de volta, mas que não aconteça com outras pessoas. Chorei muito” – disse Elaine.

Ao SF Notícias, o delegado titular da 154ª Delegacia de Cordeiro, Dr. Gilberto Soares, passou algumas dicas para que a população possa se prevenir do golpe do perfil falso no WhatsApp. Entre as dicas estão ajustar a visualização da imagem da conta do WhatsApp apenas para contatos autorizados; ficar atento a mensagens de conhecidos ou familiares solicitando depósito e/ou transferências bancárias (ainda mais se for em nome de terceiros); desconfiar de contas com fotos de conhecidos, mas com números diferentes. Além disso, a orientação é registrar um Boletim de Ocorrência e denunciar ao WhatsApp através do e-mail: [email protected] Também é possível denunciar clicando no número do golpe, clicar no campo “Dados do contato” e clicar em “denunciar”, e avisar familiares e conhecidos, no caso de detectar que estão utilizando seu nome para aplicar o golpe.

VEJA MAIS

VEJA MAIS