Ministério da Saúde alerta para golpes que utilizam como pretexto cadastro para vacina contra coronavírus

Nas ligações, os golpistas tentam extrair dados pessoais com promessas de agendar a vacinação

O Ministério da Saúde fez um alerta para golpes que roubam dados dos cidadãos utilizando como pretexto um cadastro para a vacinação contra o coronavírus. Nas ligações, os golpistas tentam extrair dados pessoais com promessas de agendar a vacinação. Numa das modalidades, pede-se que seja confirmado um código enviado por SMS, que dá aos golpistas acesso ao aplicativo de mensagens do dono do celular. As ligações do tipo são golpe com objetivo de clonar aplicativos de mensagem, alertou o ministério.

A pasta reiterou que não faz agendamento de vacinação, não solicita dados das pessoas nem envia quaisquer tipos de códigos para usuários do sistema de saúde. “O Ministério da Saúde informou que não liga e não envia SMS para que os cidadãos se cadastrem para tomar a vacina contra covid-19”, diz o alerta. O Senado Federal aprovou em 2020 um projeto que endurece as penas para golpistas que utilizam a internet como meio para fraudes (PL 4554/2020).

VEJA MAIS

VEJA MAIS