Mãe é presa acusada de torturar a filha provocando queimaduras graves com colher quente em Conceição de Macabu

Segundo a Polícia Civil, ela torturava a filha com intuito de corrigir o comportamento dela

Policiais civis da 122ª Delegacia Legal de Conceição de Macabu, coordenados pelo delegado Sergio Santana, prenderam em flagrante uma mãe acusada de torturar a própria filha de 15 anos com uma colher quente, provocando queimadas graves na adolescente na região do rosto, braços e tronco. As agressões foram descobertas quando a vítima recebeu atendimento médico no Hospital Municipal Ana Moreira.

Segundo informações da Polícia Civil, a mãe teria usado uma colher aquecida no fogão para castigar a própria filha. O intuito, segundo a Polícia Civil, seria de corrigir o comportamento da filha. A colher usada foi apreendida pela polícia e ainda estava com restos de pele da vítima quando foi encontrada. O crime chocou a localidade pelo requinte de crueldade. A mulher foi presa pelo crime de tortura-castigo, que está previsto no inciso II do artigo 1º da Lei 9.455/97.

VEJA MAIS

VEJA MAIS