Juntos, Pádua, Itaocara, Cambuci, Cordeiro e Friburgo devem receber mais de R$ 480 mil para rastrear casos de Covid-19

O incentivo de custeio para ações de rastreamento e monitoramento de casos de Covid-19 e seus contatos será repassado pelo Governo do RJ, através da Secretaria de Estado de Saúde
Foto: Reprodução/ SES

O Governo do Estado do Rio de Janeiro, através da Secretaria de Estado de Saúde, irá repassar um incentivo financeiro de custeio, em caráter excepcional e temporário, para a execução de ações de rastreamento e monitoramento de casos de Covid-19 e seus contatos, para municípios do estado. De acordo com a pasta, a execução das ações de rastreamento e monitoramento de que trata a resolução publicada no Diário Oficial na última sexta (11) será orientada por ações e orientações como integrar as ações da Vigilância em Saúde e Atenção Primária à Saúde, na perspectiva local; realizar detecção oportuna de pessoas com Síndrome Gripal ou Síndrome Respiratória Aguda Grave e seus contactantes; realizar orientação sobre medidas de isolamento físico e testagem; ampliar a testagem para Coronavírus em pessoas com Síndrome Gripal ou Síndrome Respiratória Aguda Grave e seus contatos; orientar e articular com outros serviços da rede, se necessário, para manutenção de isolamento físico até que saia o resultado e após o resultado, caso seja positivo; monitorar os pacientes suspeitos, confirmados e seus contactantes em relação à evolução clínica; além de ampliar a notificação para acompanhamento oportuno do cenário epidemiológico e apoio à tomada de decisão para aprimoramento da Rede de Atenção à Saúde no enfrentamento à COVID-19.

Ainda de acordo com a resolução, os valores foram definidos a partir da análise da capacidade instalada da Atenção Primária à Saúde de cada município. No Noroeste Fluminense, Aperibé deve receber R$ 38.750,00; para Cambuci o valor previsto é de R$ 31.000,00; para Italva R$ 49.600,00; Itaocara R$ 62.000,00; Itaperuna R$ 283.650,00; Miracema R$ 80.600,00 e Santo Antônio de Pádua R$ 130.200,00. Já na Serra do Rio, Bom Jardim deve receber R$ 83.700,00; Cantagalo R$ 80.600,00; Cordeiro R$ 65.100,00; Nova Friburgo R$ 193.750,00; Macuco R$ 23.250,00; São Sebastião do Alto R$ 40.300,00; Santa Maria Madalena R$ 37.200,00 e Trajano de Moraes R$ 41.850,00. Confira a lista com todas as cidades do estado e valores a serem recebidos AQUI.

VEJA MAIS

VEJA MAIS