Jovem é preso com drogas, munições, dinheiro e moto roubada em Pádua

sdfgjgk
Fotos: Vinnicius Cremonez / Serviço Reservado

Mais um dos responsáveis por divulgar áudios e videos, tentando colocar medo na população de Santo Antônio de Pádua, foi preso na tarde desta quarta-feira(25) no município. A apreensão aconteceu durante uma ação de homens do Serviço Reservado(P2) do 36º Batalhão de Polícia Militar.

Segundo informações dos policiais, durante patrulhamento pela localidade conhecida como Quatro Bocas, os PMs abordaram o jovem identificado como Paulo Roberto da Silva, de 20 anos, conhecido como “Segundinho”. O jovem estava com uma moto sem placa, que após ser feita consulta no sistema, foi constatado que o veículo tinha sido roubado no último dia 23 no município de Pirapetinga, em Minas Gerais, município que faz divisa com Pádua.

qwsertrtuAlém da moto roubada, os policiais encontraram com “Segundinho”, um aparelho celular, um esqueiro, 41 pinos de cocaína e R$ 301,50 em dinheiro. Após a prisão do jovem, os policiais começaram a fazer levantamento.

Já na parte da noite, após o levantamento, os policiais foram até uma residência localizada no Conjunto Habitacional da Bikinha, no bairro Cidade Nova, onde “Segundinho” escondidas as drogas.

Com a autorização da proprietária do imóvel, os policiais começaram a revistar o local, até que se filho, um adolescente, confessou que escondida drogas para Paulo Roberto. TENENTE CORONELCASTELANODentro da bolsa de roupas do menor, os policiais encontraram mais cocaína e quatro munições de calibre 38 intactas.

Após ser feito uma perícia no material encontrado na residência, foi constatado ser 168,4 gramas de cloridrato de cocaína em alto grau de pureza. Ainda de acordo com a polícia, “Segundinho” é um dos capangas do grupo que tenta praticar atos criminosos em Santo Antônio de Pádua e Aperibé. Paulo Roberto foi autuado por tráfico de drogas e também responderá por roubo de veículo.

Em entrevista ao SF Notícias, o comandante do 36º Batalhão, o Tenente Coronel Eduardo Castelano, disse que os áudios que foram divulgados no mês passado na cidade por traficantes, tentando demostrar força dos criminosos, estão servindo de material para a Polícia Militar efetuar as prisões.

sdfghjyguo

Mais do SFn