Jovem de 21 anos morre ao ser atingido por raio na zona rural de Campos

Um levantamento feito pelo Elat, a pedido do SF Notícias, mostra que foram registrados mais de 10 mil raios nesta terça em Campos

Um jovem morreu após ser atingido por um raio na tarde desta terça-feira (22/12) em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Segundo informações do Portal Folha 1, o jovem estava capinando um terreno juntamente com um amigo na localidade de Sapucaia, na zona rural do município, quando começou a tempestade. Os dois foram atingidos pela descarga elétrica, mas Messias Coimbra, de 21 anos, não resistiu. Os dois foram levados ao Hospital Ferreira Machado (HFM), onde foi constatada a morte do jovem de 21 anos. Já a segunda vítima permanece internada na unidade.

A pedido do SF Notícias, o Grupo de Eletricidade Atmosférica (ELAT), do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, o INPE, fez um registro sobre a incidência de raios em Campos durante a chuva desta terça. Foram registrados mais de 10 mil raios em todo o município, sedo 3.877 Nuvem-solo, que atingiram o solo, e 6.919 raios Intra-nuvem, raios que ficaram entre as nuvens. Campos foi o município com maior incidência de raios nesta terça na região.

Morte de criança em Rio das Ostras
No dia 28 de outubro desse ano uma menina de apenas 4 anos morreu após ser atingida por um raio na Praia da Boca da Barra, em Rio das Ostras. Ela estava brincando quando foi atingida pela descarga. A criança chegou a ser levada para uma unidade de saúde, mas não resistiu. A morte foi confirmada através de uma nota divulgada pela Prefeitura de Rio das Ostras. “A criança deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento – UPA do Âncora – atingida por um raio, não resistiu e veio a óbito”, diz a nota. Além de raios, moradores também relataram queda de granizo em alguns pontos de Rio das Ostras naquele dia. Segundo o levantamento do Elat, naquele dia, entre 12h e as 16h, foram registrados cinco raios nuvem-solo e 30 intra-nuvem. Dos cinco raios que atingiram o solo, um deles atingiu a criança.

VEJA MAIS

VEJA MAIS