quinta-feira , 22 outubro 2020
Fotos: Reprodução

Italva, Itaocara, Duas Barras, Macuco e Madalena não têm casos suspeitos nem confirmados de Covid-19 As cidades chegaram a registrar casos suspeitos, mas todos foram descartados após exames

As cidades chegaram a registrar casos suspeitos, mas todos foram descartados após exames

Fotos: Reprodução

O último boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde na noite desta terça-feira (14/04) aponta que dos 92 municípios fluminenses, 62 já registram casos do novo coronavírus. Dentre os municípios que não registram até o momento casos suspeitos ou confirmados, alguns estão situados em nossa região. Em Italva foram notificados três casos suspeitos e todos foram descartados após resultados de exames. Por telefone, uma funcionária da Prefeitura de Cambuci, informou que não há casos suspeitos na cidade. Também não há casos suspeitos ou confirmados em Itaocara. O último boletim sobre a doença foi divulgado pela Prefeitura na segunda (13) e aponta que três casos suspeitos foram descartados, além de um óbito suspeito descartado. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde 16 casos são monitorados, cinco são síndromes gripais e 11 contatos. No município vizinho, Aperibé, a Secretaria Municipal de Saúde e a direção do Hospital Municipal Augustinho Gesualdi Blanc informaram nesta terça (14) através de nota publicada em uma rede social, que foram notificados dois casos suspeitos de Covid-19. Eles estão sendo monitorados, em quarentena, e já foram coletadas amostras para exames. (continua após a publicidade)

Já Cardoso Moreira, ainda no Noroeste Fluminense, tem apenas um caso suspeito – em isolamento hospitalar – aguardando resultados de exames. Dois casos foram descartados na cidade. Na Região Serrana, o boletim publicado pela Prefeitura de Santa Maria Madalena no dia 10 de abril mostra que não há casos suspeitos no município, sendo que três foram descartados. Em Macuco foi registrado somente um caso suspeito que já foi descartado após exame. Duas Barras registrou apenas dois casos suspeitos e ambos testaram negativo.

Mais do SFn