Inmet volta a alertar para baixa umidade do ar em S.Fidélis, Itaocara, Pádua, Miracema, Cordeiro, Friburgo e região

Segundo o órgão, a umidade relativa do ar deve variar entre 30% e 20% nesta quinta-feira (17); cuidados com a saúde e meio ambiente devem ser reforçados
Fotos: SF Notícias

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) voltou a emitir um alerta para baixa umidade relativa do ar, que na tarde desta quinta-feira (17/09) deve variar entre 30% e 20% em municípios da região. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o nível ideal de umidade relativa do ar é entre 60 e 80%. Uma massa de ar seco e quente segue atuando sobre o estado do Rio, que terá um dia de muito sol e calor. Com a baixa umidade do ar, os cuidados com a saúde e meio ambiente devem ser reforçados. Moradores devem redobrar os cuidados com a hidratação, principalmente de crianças e idosos. Quando o nível de umidade fica abaixo de 30%, além de dor de cabeça, pode ocorrer sangramento nasal, garganta seca e irritada, sensação de areia nos olhos, ressecamento da pele, cansaço e indisposição, e agravamento de rinites alérgicas. (continua após a publicidade)

A combinação do tempo seco e baixa umidade também dificultam a dispersão de gases poluentes e de fumaças das queimadas, além disso, podem contribuir para que o fogo se alastre rapidamente. A orientação é beber bastante líquido; evitar desgaste físico nas horas mais secas e evitar exposição ao sol nas horas mais quentes do dia. O alerta é válido entre 11h e 19h desta quinta, e abrange Aperibé, Cambuci, Italva, Itaperuna, Itaocara, Miracema, Pádua, Porciúncula, Bom Jesus do Itabapoana, Natividade, Campos, São Fidélis, Cardoso Moreira, Macaé, Bom Jardim, Cantagalo, Cordeiro, Friburgo, Macuco, São Sebastião do Alto, Santa Maria Madalena, Duas Barras, Trajano de Moraes, entre outras cidades do RJ.

VEJA MAIS

VEJA MAIS