Inmet emite aviso para possibilidade de chuvas intensas em cidades da região

O aviso é válido até às 12h deste sábado. Há possibilidade de chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, e ventos intensos

Assim como o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) (reveja AQUI) o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) também publicou um aviso para o risco de chuvas intensas em cidades da região. O aviso do Inmet abrange, Aperibé, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Campos dos Goytacazes, Cantagalo, Cardoso Moreira, Conceição de Macabu, Cordeiro, Duas Barras, Italva, Itaocara, Itaperuna, Laje do Muriaé, Macuco, Miracema, Natividade, Porciúncula, Santa Maria Madalena, Santo Antônio de Pádua, São Fidélis, São Francisco de Itabapoana, São João da Barra, São José de Ubá, São Sebastião do Alto, Trajano de Moraes, Varre-Sai, entre outras cidades.

O aviso é válido até às 12h deste sábado (06/03). Neste período, segundo o Inmet, há possibilidade de chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia, e ventos intensos (40-60 km/h). Há baixo risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas. De acordo com a Climatempo, áreas de instabilidade crescem em parte do Sudeste e a circulação de ventos em vários níveis da atmosfera intensifica essas áreas de instabilidade.

Fim de semana
Durante o fim de semana alguns fatores vão favorecer a formação de nuvens carregadas e a ocorrência de muita chuva no Sudeste do Brasil, ainda segundo a Climatempo. “Um ciclone extratropical (área de baixa pressão atmosférica) atua em alto-mar, ao largo da costa do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e associado a esse ciclone, entre o sábado (6) e domingo (7), temos a formação de uma frente fria (frontogênese) no litoral do Sudeste. Além da presença destes sistemas temos também a chegada de muita umidade lá do Norte do País” – explica o portal. A área de baixa pressão (ciclone), a presença da frente fria e o canal de umidade que vem do Norte do Brasil, são os responsáveis pela chuva do fim de semana.

VEJA MAIS

A história de Romário, o Baixinho artilheiro

Eternizado por seus gols e atuações na Copa do Mundo de 1994, quando foi campeão e eleito o melhor jogador, Romário é considerado um dos maiores centroavantes da História do futebol brasileiro e mundial

VEJA MAIS