sexta-feira , 30 outubro 2020

Greve: Polícia Civil do Estado do Rio para por 24h nesta quarta-feira

Operação da Polícia Civil e Militar foto Vinnicius Cremonez 4
Fotos: Vinnicius Cremonez

Os policiais civis do Rio de Janeiro vão aderir à paralisação nacional de 24 horas marcada para a próxima quarta-feira (21). Segundo o Sinpol (Sindicato dos Policiais Civis do Rio de Janeiro), a categoria pretende manter 40% do efetivo trabalhando nas delegacias e postos de serviço. A categoria reivindica, entre outras coisas, um reajuste salarial.

Às 14h, a categoria deve se reunir na Cidade da Polícia, no Jacarezinho, zona norte do Rio, para discutir a paralisação. De lá, o grupo deve seguir para o Clube Municipal, na Tijuca, zona norte. O ato nacional foi organizado pela Cobrapol (Confederação Nacional dos Policiais Civis) em diversos estados.

OPERAÇÃO DA POLÍCIA CIVIL FOTO VINNICIUS CREMONEZ 3CDe acordo com o presidente do sindicato, Fernando Bandeira, a paralisação é uma forma de pressionar o governo do Estado a cumprir às reivindicações da categoria, entre elas os reajustes salariais de 80% e a incorporação das gratificações, especialmente a de Delegacia Legal no valor de R$ 850. Bandeira afirmou que vai manter parte do efetivo trabalhando.

— Vamos paralisar as atividades a partir do primeiro minuto de quarta-feira até o último minuto do mesmo dia. Iremos respeitar a lei, que determina um efetivo de, no mínimo 40% nas delegacias, já que se trata de atividade essencial.

Na próxima segunda-feira (26), o sindicato vai realizar uma nova assembleia para decidir se a categoria entra em greve antes da Copa ou se realizará outros protestos.

 

Fonte: Redação/R7

Mais do SFn