Governo antecipa calendário de transferências e saques da 4ª parcela do Auxílio Emergencial

Depósitos na conta social digital têm início neste sábado (17) para os nascidos em janeiro e terminam no dia 30 de julho para quem nasceu em dezembro

O Governo Federal antecipou o calendário de transferências e saques da 4ª parcela do Auxílio Emergencial 2021, como já havia ocorrido nas três etapas anteriores, para os trabalhadores que se inscreveram pelos meios digitais e as pessoas que integram o Cadastro Único. A Portaria nº 645, publicada nesta quinta-feira (15/07) antecipa em seis dias o início dos pagamentos para os nascidos em janeiro. Antes, eles receberiam em 23 de julho, agora terão os depósitos nas contas digitais neste sábado (17/07).

Tem Instagram  Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

O ministro da Cidadania, João Roma, destacou o compromisso do Governo Federal na proteção aos que mais necessitam. “Antecipamos todas as etapas de pagamentos e saques do Auxílio Emergencial 2021 executadas até o momento. Isso mostra que a operação realizada pelo Ministério da Cidadania e seus parceiros tem sido exitosa e que um dos pilares do Governo é a atenção aos mais necessitados”, afirmou.

O cronograma de transferências continua no domingo (18/07) para quem nasceu em fevereiro, antecipando em uma semana os créditos na conta desse público. Os pagamentos são retomados na terça-feira (20/07) e seguem diariamente até o fim de julho, com exceção da segunda-feira (26/07). A mudança mais significativa será para os nascidos em dezembro, que passam a ter direito à quarta parcela ainda em julho, no dia 30. Antes, quem nasceu no último mês do ano receberia em 22 de agosto, um adiantamento de 23 dias.

O calendário de saques também foi antecipado. Originalmente, os trabalhadores nascidos em janeiro poderiam sacar a quarta parcela do Auxílio Emergencial 2021 a partir do dia 13 de agosto. Agora, eles terão essa possibilidade no dia 2 do próximo mês. O cronograma de saques vai até 18 de agosto para os aniversariantes de dezembro, uma antecipação de 22 dias.

VEJA MAIS

VEJA MAIS