Furtos a casas lotéricas e joalheria; bandidos agiram de forma parecida

Uma lotérica foi furtada em São Fidélis em 2019 e uma em Cambuci em maio deste ano, e nesta semana, uma joalheria em São Fidélis; nos três casos, bandidos invadiram imóveis e fizeram buracos nas paredes
Imagens: SF Notícias

Em março de 2019 uma quadrilha invadiu e furtou cerca R$ 80 mil de uma casa lotérica de São Fidélis. O estabelecimento fica a poucos metros de uma joalheria que foi furtada nesta semana, em um dos cruzamentos mais movimentados da cidade. Nos dois casos os bandidos agiram de forma parecida, e nos dois casos, ninguém foi identificado ou preso até o momento. Lá em 2019, bandidos invadiram uma residência na Rua Dr. José Francisco e fizeram uma idosa, de 87 anos, refém. A quadrilha ficou durante horas na casa da idosa, de onde fizeram um buraco na parede para acessar a casa lotérica que fica no cruzamento da José Francisco com a Avenida Sete de Setembro.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

De acordo com informações da Polícia Militar, pelo menos cinco pessoas participaram da ação, sendo que uma delas, teria ficado no caminhão usado pelo grupo, e duas, no quarto junto à idosa. Naquele ano, policiais informaram que, possivelmente, para “tapar” o barulho da parede sendo quebrada e da furadeira, um caminhão que foi usado pelo grupo era mantido ligado. Os policiais informaram ainda que, possivelmente os bandidos teriam entrado na área de serviço da casa da idosa através de um espaço que existe ao lado de um imóvel, que estava em obras na Avenida Sete de Setembro, quase ao lado da lotérica. Eles usaram uma escada que foi deixada no local.

continua após o vídeo

Já nesta semana, bandidos invadiram uma casa localizada na Avenida Sete de Setembro, de onde fizeram um buraco para acessar a joalheria que fica na Rua Dr. José Francisco. Dessa vez, a casa invadida pelos criminosos não era habitada. De acordo com a polícia, pelo menos dois homens entraram na loja. Eles estavam de máscaras, encapuzados e de bonés. Ainda não se sabe por quanto tempo eles ficaram na residência antes e depois de invadirem a loja. A polícia informou ainda que foram levados relógios, celulares, notebooks e joias, mas não informou a quantidade de cada item levado.

Lotérica em Cambuci
Outro caso parecido na região aconteceu em maio deste ano, no Mercado Municipal Adelmo Peres Vieira, bem no Centro de Cambuci. Bandidos arrombaram um dos boxes do mercado e fizeram um buraco na parede para acessar uma casa lotérica, a única de Cambuci. Os criminosos levaram em torno de R$ 44 mil. Assim como nos outros casos, neste, também ninguém foi preso.

VEJA MAIS

VEJA MAIS