Fiocruz deve entregar 5,3 milhões de doses da vacina contra a Covid nesta sexta

Produção será interrompida temporariamente, mas com a chegada da nova remessa de IFA, prevista para sábado, a expectativa é de que, na próxima terça, a produção seja retomada normalmente

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) anunciou nesta quinta-feira (20/05) que pretende entregar amanhã (21) mais 5,3 milhões de doses da vacina Covid-19/Fiocruz ao Ministério da Saúde. Com isso, a Fundação ultrapassa a marca de 40 milhões de doses entregues, sendo 36,2 milhões produzidas em Bio-Manguinhos/Fiocruz e 4 milhões importadas prontas da Índia. Ao todo, a Fiocruz já produziu em torno de 50 milhões de doses do imunizante. As demais doses produzidas se encontram em diferentes etapas do processo de controle de qualidade.

Conforme comunicado previamente no início desta semana, a Fiocruz interrompe temporariamente, a partir desta quinta-feira (20/05), a produção da vacina Covid-19. Com a chegada da nova remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), prevista para sábado (22/5), a expectativa é de que, já na próxima terça-feira (25/5), a produção seja retomada normalmente. Atualmente, a capacidade de produção da Fundação atinge cerca de 1 milhão de doses por dia.

Não há ainda previsão de que a interrupção temporária possa impactar entregas futuras. Caso haja impacto, isso será avaliado e comunicado mais à frente. O cronograma de entregas permanece semanal, sempre às sextas-feiras, conforme pactuado com o Ministério da Saúde, seguindo a logística de distribuição definida pela pasta.

VEJA MAIS

Anvisa determina recolhimento de lotes interditados da vacina CoronaVac

Mais de 12 milhões de doses foram envasados em fábrica não autorizada pela Agência e tinham sido interditadas no início do mês. É importante ressaltar que a CoronaVac permanece autorizada no país e possui relação benefício-risco favorável ao seu uso no Brasil

VEJA MAIS