quinta-feira , 29 outubro 2020
Ele era Vigário da Paróquia Santo Antônio, em Macaé, mas foi pároco da Igreja São José de Leonissa, em Itaocara, por muitos anos

Fiéis lamentam a morte do Padre Amauri Silva, muito querido em Itaocara

Fotos: Reprodução/ Redes Sociais

Dezenas de fiéis da região lamentaram nesta terça (16) a morte do Padre Amauri Silva, que foi pároco da Igreja São José de Leonissa, em Itaocara, por muitos anos. Ele lutava contra um câncer e faleceu na madrugada de hoje no Hospital de Macaé.

Desde 2015, o Padre era Vigário Paroquial da Matriz Santo Antônio, em Macaé, onde o corpo está sendo velado desde às 9h. O sepultamento acontecerá amanhã no município de Nova Iguaçu e a Missa de Exéquias será amanhã às 7h na Paróquia de Santo Antônio.

O Padre Amauri completaria 27 anos como sacerdote em 15 de dezembro deste ano. Nas comemorações do Jubileu Sacerdotal (25 anos a serviço da Igreja), Ele disse durante a missa: “A nossa vida é complicada. São mais de 40 pastorais. Mas Nossa Senhora me trouxe para cá, e Padre Gleison e vocês me receberam. Aqui quero ser como João Batista: anunciar o Senhor, e que Ele seja sempre louvado”.

Nas redes sociais, os fiéis deixaram um último adeus ao padre. “Obrigada por ter sido esse grande Padre…um exemplo de amor ao próximo”; “Um padre maravilhoso. Humilde, gentil. Que o Senhor, nosso Deus o tenha! O que fica é a saudade!”; “Com certeza, Deus já o recebeu no seu reino, vai deixar saudades, mas que ele descanse em paz”.

Mais do SFn