Assalto aconteceu na RJ-152, no distrito de Euclidelândia, em Cantagalo

Ex-funcionário, funcionário e amigo são acusados de assalto a carro de distribuidora de Cordeiro

Fotos: PM

O ex-funcionário de uma distribuidora de frios de Cordeiro foi preso por suspeita de envolvimento no assalto sofrido pelo carro da empresa. Na casa dele os policiais encontraram duas armas. Além dele, um amigo e um funcionário da mesma empresa também foram encaminhados para a delegacia. Segundo informações da Polícia Militar, o veículo da empresa foi abordado por dois homens em uma moto na última sexta-feira (01/06) quando passava pela RJ-152, em Euclidelândia, distrito de Cantagalo.

Para os policiais, o dono da empresa contou, neste domingo, que o condutor da moto estava com uma roupa de chuva e uma pistola. Já o carona, estava com uma roupa preta e uma arma longa. Diante das informações, os policiais passaram horas na busca por todos os envolvidos. No dia do assalto, os bandidos fugiram levando R$5.900,00. No veículo estavam o pai do empresário e um funcionário, identificado como J.D.S.R., de 27 anos. Segundo a PM, foi ele que informou aos outros dois a rota utilizada e a quantidade de dinheiro que transportaria.

Ainda de acordo com os policiais, o assalto foi praticado por um ex-funcionário da empresa, identificado como F.B.V.N.P., de 36 anos, que tentou correr para dentro de casa quando viu os PMs, e um amigo, identificado como T.M.C.C., de 20 anos. Na casa de F.B.V.N.P, em Euclidelândia, os policiais encontraram uma pistola de calibre 7.65, nove munições intactas, uma espingarda de calibre 28 com quatro munições e R$5.000,00 em especie.

Os três foram encaminhados para a delegacia de Cantagalo, sendo transferidos para a 151ª Delegacia Legal de Nova Friburgo, onde F.B.V.N.P, que é ex-funcionário da empresa, ficou preso por porte de arma, mas a Justiça deve expedir os mandados de prisão por roubo para os três.

Mais do SFn