“Energia para Ler” vai homenagear o professor, escritor e advogado Alaôr Eduardo Scisínio, em Itaocara

Alaôr foi professor nas faculdades de Direito da UFRJ, da UFF e da SUESC; o itaocarense também foi Procurador Geral do município de Niterói e Secretário de Cultura

O “Energia para Ler” levou dezenas de atrações aos municípios de Cardoso Moreira, São Fidélis e Cambuci, e no próximo domingo (14/11) é a vez de Itaocara, no Noroeste Fluminense, respirar arte, cultura e literatura. O evento cultural e educativo traz em seu escopo o estabelecimento de uma itinerância que dialogue com as peculiaridades locais dos municípios fluminenses, a fim de promover e estimular a regionalização da produção cultural, com valorização de recursos humanos e conteúdos locais por meio da literatura e das manifestações artísticas. A programação seguirá de domingo até o dia 18, quinta-feira. O patrono homenageado será o professor, jornalista, contista, poeta, historiador e advogado, Alaôr Eduardo Scisínio, intelectual itaocarense que faleceu no ano de 2000.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Nascido em 19 de janeiro de 1927, filho de Aristides Scisínio de Araújo, pintor e Olga Macuco de Araújo, musicista, Alaôr foi professor nas faculdades de Direito da UFRJ, da UFF e da SUESC. O itaocarense também foi membro do Instituto dos Advogados Brasileiros e seu primeiro Secretário, Conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Estado do Rio, além de Procurador Geral do município de Niterói e Secretário de Cultura.

Alaôr integrou ainda as seguintes entidades culturais: Academia Brasileira Maçônica de Letras; Academias Fluminense, Niteroiense, Itaocarense, Friburguense e Cordeirense de Letras; Cenáculo Fluminense de Letras; e Instituto Histórico de Alagoas Trovador (Presidente do UBT-Niterói). Em sua trajetória, publicou vários livros, entre eles: “Itaocara – Uma Democracia Rural”. Sua publicação mais conhecida é o livro Dicionário da Escravidão. O evento “Energia para Ler” tem atrações gratuitas e é promovido e patrocinado pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro através da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e pela Empresa de Energia Elétrica ENEL, sob realização da Motivos Produções.

VEJA MAIS

VEJA MAIS