Em homenagem a S.Fidélis, artista de Duas Barras eterniza beleza da Cachoeira Bela Joana em pintura

Com seu talento, Ronan Paes, que é autodidata, eterniza as paisagens exuberantes, além de construções históricas que são verdadeiros 'cartões postais' de várias cidades da região
Fotos: Arquivo pessoal

Como forma de fazer uma homenagem especial ao município de São Fidélis, no Norte Fluminense, e agradecer ao SF Notícias pela publicação de uma matéria no ano passado contando um pouco de sua história, o artista Ronan Paes Pinho, morador de Duas Barras, eternizou a beleza da Cachoeira da Bela Joana em uma pintura em azulejo. “Se Deus quiser um dia ainda farei a pintura da Igreja aí (Igreja Matriz de São Fidélis), mas essa quero fazer em tela” – revelou o artista. Ele relata que a publicação da matéria em 2020 foi extremamente relevante, mas que a pandemia tem tornado tudo mais complicado. “Fiz bastante encomenda ano passado, mas esse ano caiu muito mesmo infelizmente” – disse.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Desde a última publicação ele homenageou outras cidades da região como Miracema, Saquarema, Paraty, Santo Antônio de Pádua, Sumidouro, São Sebastião do Alto, Nova Friburgo, Cachoeiras de Macacu, Bom Jardim, Macuco, Carmo, entre outras. Com seu talento, ele eterniza as paisagens exuberantes, além de construções históricas que são verdadeiros ‘cartões postais’. Ronan trabalha em diferentes tipos de materiais, como telas, azulejos, paredes, pratos, entre outras superfícies. O pintor se declara autodidata, ou seja, tem a capacidade de aprender sem professor ou mestre ministrando aulas.

continua após a imagem

Pintura surrealista do Titanic e pintura do filme A sombra e a escuridão

Durante a pandemia, ele vem aprimorando suas habilidades, além de exercitar a imaginação. “Tenho transformado histórias e músicas sertanejas raízes em quadros! Também tenho transformado filmes em pinturas como o ‘Titanic’, ‘A sombra e a escuridão’, que conta a história de dois leões matadores de pessoas, e o ‘Rambo’. É algo que acrescentei no meu trabalho” – relata. O artista destaca que, por incrível que pareça, esse período de isolamento abriu mais a sua mente e criatividade, além de contribuir com a saúde mental em meio à pandemia. “Tirei forças para aprimorar mais ainda minhas técnicas e estudos! Naturalmente, é a melhor terapia que existe” – afirma. Conheça mais obras do artista em suas redes sociais: AQUI (Facebook). Encomendas podem ser feitas pelo número: (22) 9-9283-3079 (WhatsApp).

VEJA MAIS

VEJA MAIS