“Cultura Presente nas Redes” oferece 115 vagas no Norte e Noroeste Fluminense com premiação de R$ 2,5 mil para cada produção

Poderão ser contempladas ações culturais nas áreas de música, literatura, artes visuais, audiovisual, dança, teatro, circo, moda, museus, cultura alimentar e expressões culturais populares inéditas
Fotos: Reprodução

Anunciado na última semana pela Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (Secec), o edital “Cultura Presente nas Redes” tem como objetivo fomentar a cultura em todas as regiões do estado do Rio de Janeiro durante o período de isolamento social devido à pandemia de coronavírus. Para isso, está sendo investido um total de R$ 3.750 milhões do Fundo Estadual de Cultura para auxiliar os profissionais da área nesse período, com a seleção de 1,5 mil apresentações, com premiação de R$ 2,5 mil para cada produção. A Região Noroeste Fluminense, composta pelos municípios de Aperibé, Bom Jesus do Itabapoana, Cambuci, Italva, Itaocara, Itaperuna, Laje do Muriaé, Miracema, Natividade, Porciúncula, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá e Varre-Sai possui 31 vagas para projetos. Até o momento, a Secec recebeu 1,7 mil inscrições, que seguem abertas até o próximo dia 25. (continua após a publicidade)

Segundo a secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros, cada uma das dez regiões do estado terá a sua seleção. A quantidade de vagas foi definida pelo número de habitantes. “Uma das dúvidas que estamos recebendo é sobre a forma de seleção. Por ser um edital para todo o estado, definimos que a concorrência será dentro da região. Um projeto do Norte Fluminense não vai concorrer com um da capital, por exemplo. O estado do Rio é grande, cada região tem as suas características próprias, por isso o mais certo será esse tipo de seleção – explica. Considerando a quantidade de habitantes por região, as vagas do edital foram separadas desta forma: capital (583), Metropolitana II (320), Metropolitana III (180), Noroeste (31), Norte (84), Serrana (85), Baixadas Litorâneas (74), Médio Paraíba (80), Centro Sul (26) e Costa Verde (37). Para concorrer a uma das vagas do “Cultura Presente nas Redes”, é preciso ter pelo menos um ano de atuação em sua respectiva área. As ações culturais serão exibidas em plataformas digitais do proponente e estarão divididas em quatro eixos: manifestações artísticas, criação de conteúdos digitais, oficinas culturais à distância e conteúdos audiovisuais.

Poderão se inscrever no edital on-line: pessoas físicas maiores de 18 anos, artistas e produtores residentes no estado do Rio comprovadamente há mais de um ano. Para participar, basta preencher a ficha de inscrição que está no site (http://cultura.rj.gov.br/fundo-estadual-de-cultura. Deverão ser anexados os documentos: RG e CPF, comprovante de residência dos últimos três meses e portfólio de atividades, comprovando período de atuação de pelo menos um ano de atividades na área cultural. Poderão ser contempladas ações culturais nas áreas de música, literatura, artes visuais, audiovisual, dança, teatro, circo, moda, museus, cultura alimentar e expressões culturais populares inéditas, exclusivamente realizadas no âmbito do Estado do Rio de Janeiro.

VEJA MAIS

VEJA MAIS