Consulta pública discute revisão tarifária da Energisa Nova Friburgo

Os valores definitivos serão aprovados após a análise das contribuições recebidas e entrarão em vigor em 22 de junho de 2021

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica -ANEEL – aprovou, nesta terça-feira (23/03), abertura de consulta pública para discutir com a sociedade a proposta de Revisão Tarifária Periódica da Energisa Nova Friburgo Distribuidora de Energia S.A. – ENF. A consulta também discutirá os limites dos indicadores de continuidade de Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora – DEC e de Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora – FEC da distribuidora para o período de 2022 a 2026. Confira abaixo os índices propostos:

Empresa

Classe de Consumo – Consumidores cativos

Baixa tensão
em média

Alta tensão
em média (indústrias)

Efeito Médio
para o consumidor

ENF

4,00%

9,35%

5,02%

Os índices foram impactados, em especial, pelos encargos setoriais e pelos custos com transporte de energia. Cabe destacar que a Conta-Covid contribuiu para amenizar o impacto da revisão em -3,69%, proporcionando amortecimento dos índices a serem percebidos nas contas dos consumidores atendidos pela distribuidora.

É importante ressaltar que os índices em consulta são preliminares. Os valores definitivos serão aprovados após a análise das contribuições recebidas e entrarão em vigor em 22 de junho de 2021. Interessados devem enviar suas contribuições para a Consulta Pública nº. 009/2021 para o e-mail [email protected] entre 24 de março de 7 de maio de 2021.

Será possível discutir a proposta, ainda, por meio da Audiência Pública nº 006/2020, que será realizada em 9 de abril de 2021. Mais informações sobre processos tarifários podem ser encontradas no link entendendo a tarifa, e no aplicativo ANEEL Consumidor – disponível para dispositivos móveis Android ou IOS. As informações estão em https://bit.ly/3r8DW6U.

VEJA MAIS

VEJA MAIS