Colégio Estadual de São Fidélis completa 50 anos com grande legado na educação fidelense

A diretora da unidade conversou com a apresentadora Helma Lúcia sobre os 50 anos da instituição; veja o vídeo

Um patrimônio que faz parte da história fidelense; e quantas histórias, sonhos e conhecimentos foram gerados no Colégio Estadual de São Fidélis; uma instituição amada por todos, instituição que há 50 anos vem abrindo as portas da educação, promovendo inclusão e formando grandes profissionais.

Tem Instagram ❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Antes de virar Colégio Estadual de São Fidélis, a unidade se chamava Campanha Nacional de Educandários Gratuito, ou Campanha, como ainda é chamado por muitos fidelenses. A Campanha foi implementada no município graças aos esforços e a contribuição do Comendador Clarimar Fernandes Maia, que muito contribuiu para o desenvolvimento de São Fidélis. Ele buscou a implementação de um sistema público de educação para aqueles que desejavam concluir seus estudos, mas não podiam arcar com os custos, já que o único colégio que ofertava o ginásio era o Colégio Fidelense.

continua após a imagem

Em 1972 a Campanha deu lugar ao surgimento do Colégio Estadual de São Fidélis, pela Lei nº 7.314/73, pertencendo à rede da Secretaria de Estado de Educação. Os anos se passam e o CESF segue firme levando educação de qualidade, promovendo a inclusão social e e deixando um grande legado na história e na educação da sociedade fidelense, formando a cada ano novos profissionais; profissionais que já contribuíram e ainda contribuem para o desenvolvimento de São Fidélis.

Para celebrar a data, o SF Notícias foi ao CESF. A apresentadora Helma Lúcia conversou com a professora e diretora do Colégio Estadual de São Fidélis, Maria Helena Cruz Coelho, que está à frente da direção da unidade há 22 anos. Elas falaram sobre a história da unidade escolar; confira a entrevista abaixo:

VEJA MAIS

VEJA MAIS