Cantor Dom Américo morre aos 69 anos em hospital de Campos

Ele estava internado desde o início de março no Hospital Geral de Guarus
Fotos: Divulgação

Morreu nesta segunda-feira (25/05), aos 69 anos, o cantor Osvaldo Américo Ribeiro de Freitas, mais conhecido como Dom Américo, em Campos dos Goytacazes, Norte Fluminense. Ele estava internado desde o início de março, no Hospital Geral de Guarus (HGG). A última apresentação do cantor, que sofria de hipertensão e diabetes, foi no carnaval deste ano, em Farol de São Thomé. Muito popular em cidades da região e também em estados vizinhos, Dom Américo iniciou a carreira na década de 60, e tinha em seu repertório diversos estilos musicais, tendo lançado LPs e um CD. Ele também lecionou no Colégio Agrícola. (continua após a publicidade)

Nas redes sociais, dezenas de pessoas estão manifestando condolências à família e lembrando a trajetória deste ícone da música em Campos e região. “As cortinas do show da vida do amigo Dom Osvaldo Américo Ribeiro de Freitas se fecham, e ele deixa um legado de criatividade, ousadia e irreverência, além do talento ímpar. Um grande homem, com uma família fantástica. Amava seu ofício, me lembro um dia na Cidade da Criança, ele com a pressão altíssima, mas profissional demais, não abriu mão de cantar para as crianças. Fica aqui Dom, meu eterno aplauso, minha eterna admiração e respeito” – publicou Clícia Cruz. Ainda não há informações sobre velório ou sepultamento do cantor.

VEJA MAIS

VEJA MAIS