Cambuci chega a três casos confirmados de Covid-19

Cambuci era, até essa semana, um dos poucos municípios a não ter casos confirmados de coronavírus, mas isso mudou. Em três dias, três casos foram confirmados. A cidade tem ainda quatro casos considerados suspeitos
Fotos: SF Notícias

O município de Cambuci, no Noroeste Fluminense, era, até essa semana, um dos poucos municípios a não ter casos confirmados de coronavírus, mas isso mudou nos últimos dias. Em três dias, a Prefeitura confirmou três casos de Covid-19 na cidade. O primeiro caso positivo no município foi confirmado no último dia 06, em um vídeo do Prefeito Agnaldo Vieira. Segundo ele, trata-se de um funcionário que estava embarcado e que testou positivo. Em uma resposta a um morador, a Prefeitura de Cambuci informou que dos três casos confirmados, dois são de trabalhadores que estavam embarcados. Um deles é a sede do município e outro de São João do Paraíso. Já o terceiro caso é de um morador de Cambuci que trabalha em Campos. Cambuci ainda possui quatro casos que são considerados suspeitos e que aguardam resultados de exames. Uma pessoa está em isolamento hospitalar e 42 pessoas estão em isolamento domiciliar. O prefeito disse ainda que os casos suspeitos estão nos distritos de Três Irmãos, Monte Verde, Funil e São João do Paraíso. (continua após o vídeo)

Em sua página oficial no Facebook, a Prefeitura respondeu a um comentário feito por um morador, que fez um questionamento dizendo: “Até quando o prefeito vai permanecer omisso e inepto? A população precisa de ação efetiva, verbas já foram disponibilizadas e nada foi feito até agora”. Em resposta, a Prefeitura disse que ” o recurso destinado ao combate à pandemia está sendo realizado para tal. O Município montou o Centro de Triagem (Covid-19) com equipe de médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e outros separados da equipe principal do HMGA, bem como a estrutura física isolada do prédio principal, com acesso independente, contendo equipamentos e materiais necessários, respiradores, bombas de infusão, entre outros. Há fiscalização constante pela Guarda Municipal aos comércios em funcionamento, com limitação de clientes, uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento. Não há nenhuma omissão por parte do poder público. As ações realizadas se mostram eficazes, visto que somos hoje o Município com o menor número de contaminados de toda a região”, diz a mensagem em resposta a um morador. O uso de máscaras é obrigatório em todo o território do município desde o dia 30 de abril.

VEJA MAIS

VEJA MAIS