Cambuci, Cardoso Moreira, Macuco e Trajano de Moraes seguem sem casos confirmados de Covid-19 Ainda no Noroeste Fluminense, Varre-Sai e Laje do Muriaé também não têm casos confirmados da doença; Duas Barras também segue sem casos confirmados

Ainda no Noroeste Fluminense, Varre-Sai e Laje do Muriaé também não têm casos confirmados da doença; Duas Barras também segue sem casos confirmados

Foto: Prefeitura de Cardoso Moreira

Alguns municípios das regiões Noroeste e Serrana do Rio seguem sem casos confirmados do novo coronavírus até o momento é o caso de Cardoso Moreira, onde segundo boletim divulgado nesta segunda (27) há um caso suspeito em isolamento hospitalar e um óbito suspeito em investigação. Ambos aguardam resultados do Lacen-RJ. Ainda segundo o boletim, três casos foram descartados na cidade. Cambuci também não teve casos confirmados. Até o início da noite desta segunda (27), Italva tinha apenas um caso suspeito que aguardava resultado de exame, a ser divulgado pelo Laboratório Central de Saúde Pública Noel Nutels, Lacen-RJ. Entretanto, o último boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde contabiliza um caso na cidade. Ao SF Notícias, a assessoria do município informou que o mesmo ainda não foi informado desse caso. “Assim que isso acontecer vamos publicar uma nota. Até o momento não recebemos o resultado do Lacen RJ e também não podemos afirmar se é a mesma pessoa” – informou o assessor Renato Peres. (continua após a publicidade)

Ainda no Noroeste Fluminense, Varre-Sai segue sem casos confirmados de Covid-19. O último boletim divulgado pela Prefeitura, no dia 22, contabilizava apenas um caso suspeito e três descartados. Laje do Muriaé também não tem confirmações da doença. Na cidade há 16 casos suspeitos aguardando resultados de exames, e outros cinco foram descartados. Já na Região Serrana, Macuco teve apenas uma notificação e o caso foi descartado. Trajano de Moraes também teve apenas um caso suspeito e testou negativo. O último boletim divulgado pela Prefeitura de Duas Barras há oito dias apontava que três casos foram testados, dois tiveram resultado negativo e um aguardava resultado do exame.

Mais do SFn