Cachorro-do-mato é encontrado morto na RJ-116 em Pádua

Nos últimos dias, além do cachorro-do-mato, uma capivara e um lobo-guará também foram encontrados mortos em rodovias da região

Mais um animal silvestre foi encontrado morto em estradas da nossa região. Dessa vez, um cachorro-do-mato foi encontrado morto na RJ-116, entre os municípios de Aperibé e Santo Antônio de Pádua, próximo ao polo industrial de Pádua, no Noroeste Fluminense. O animal possivelmente foi atropelado por um veículo. O registro foi feito por um leitor no sábado de tarde. Nossa redação ainda não obteve informações se o animal chegou a ser recolhido por algum órgão.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

O Cerdocyon thous (mais conhecido como cachorro-do-mato, graxaim-do-mato ou raposa-caranguejeira) é uma espécie de canídeo endêmico da América do Sul. Três, das suas cinco subespécies, podem ser encontradas no Brasil, sendo elas: C. t. entrerianus, encontrada no sul e sudeste do Brasil; C.t. azarae, no sudeste e centro-oeste e C. t. thous, no nordeste e norte do Brasil.

O cachorro-do-mato é onívoro de hábitos noturnos, que mede cerca de 65 cm e tem o peso médio entre 5 kg a 8 kg, com pelagem cinza claro de base amarelada. Possui pernas curtas e fortes e sua cauda é longa e espessa.

VEJA MAIS

VEJA MAIS