Atletas de Cambuci sobem ao pódio em Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu

O atleta Amarildo Mello, mais conhecido como Júnior, ficou em primeiro lugar na categoria super pesado, vitória conquistada no dia de seu aniversário

O atleta Amarildo Mello, mais conhecido como Júnior, e seu aluno Deocleciano da Silva Moreira Neto, de 25 anos, representaram Cambuci no Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu da Confederação Brasileira de Jiu Jitsu Olímpico, realizado neste domingo (18/07), na Arena da Juventude, no Rio de Janeiro. Deocleciano lutou na categoria super pesado até 100,3 kg, de faixa roxa. “Esse foi meu primeiro campeonato depois de alguns anos sem competir, e fiquei em 3º lugar na minha categoria. Eu me preparei bastante para esse Campeonato, treinei jiu jitsu três vezes na semana, além de musculação todos os dias e crossfit” – conta o jovem.

Tem Instagram ❓❓ Siga o SF Notícias no Insta > @sfnoticias

Deocleciano relatou ainda estar muito feliz com o resultado e muito agradecido a todos que o ajudaram na conquista, principalmente os amigos e parceiros de treino. Já o professor Amarildo Mello ficou em primeiro lugar na categoria super pesado faixa marrom, vitória conquistada no dia de seu aniversário. “A preparação para essa competição foi muito corrida porque tive pouco tempo após ter me preparado para a competição do mundial sem kimono, que aconteceu no dia 13 de junho da qual, graças a Deus, fui campeão” – disse o atleta.

Só neste ano, Amarildo Mello já participou de cinco competições e, com muito esforço e dedicação, além da ajuda incansável da equipe, subiu no pódio em todas elas, conquistando quatro medalhas de ouro e uma de prata. “Fica difícil descrever o que estou sentindo neste momento! Só sei dizer que é uma alegria imensa ver que todo esforço valeu à pena. Competir já é bom demais. Subir no pódio, então, nem se fala! Agradeço a Deus, em primeiro lugar, à minha equipe e a todos os meus amigos que sempre acreditaram em mim. Agora, darei início à preparação para o Panamericano que acontecerá em 18 de setembro. Sei que serão dias de muitos treinos…. Mas essa vitória me inspirou a vencer os meus próprios limites e a me dedicar cada dia mais a esse esporte que tanto amo” – ressaltou.

VEJA MAIS

VEJA MAIS