Área em frente à Paróquia de Nossa Senhora é revitalizada e se torna “Praça dos Ciclistas”, em São Fidélis No local foi fixada uma placa com imagem e oração em honra a Nossa Senhora de Ghisallo, a padroeira dos ciclistas. Também há um ‘mastro da conquista’. Segundo o livro “O Brasil que pedala”, São Fidélis está entre as 11 cidades do país onde mais se pedala

No local foi fixada uma placa com imagem e oração em honra a Nossa Senhora de Ghisallo, a padroeira dos ciclistas. Também há um ‘mastro da conquista’. Segundo o livro “O Brasil que pedala”, São Fidélis está entre as 11 cidades do país onde mais se pedala

Fotos: Paróquia de Nossa Senhora

O número de ciclistas – principalmente no período de pandemia – cresceu de forma significativa em São Fidélis, no Norte Fluminense, e na região. Agora, os praticantes dessa atividade esportiva têm um espaço totalmente dedicado a eles, em uma área em frente à Paróquia de Nossa Senhora Aparecida e São Fidélis, na esquina com Avenida Paranhos. De acordo com o padre Gaspar Pelegrini, idealizador da Bike Romaria São Fidélis x Santuário Nacional de Aparecida, há algum tempo existia a ideia de criar um local para a padroeira dos ciclistas. “Como o ciclismo está em alta em São Fidélis, há muitas pessoas pedalando, queria apresentar a eles que existe a padroeira dos ciclistas que é Nossa Senhora de Ghisallo. Tínhamos também esse espaço na frente da igreja que era um local que até pouco tempo se jogava lixo, tinha até um cheiro desagradável, aí me veio essa ideia de revitalizar essa frente da igreja e criar um local onde os ciclistas pudessem fazer uma oração” – conta. (continua após a imagem)

Na área, chamada de Praça dos Ciclistas, foi colocada uma placa com imagem e oração em honra a Nossa Senhora de Ghisallo. Também foi colocado um ‘mastro da conquista’. “É um mastro com marcações e de acordo com o pedal que o ciclista fez, a sua maior distância, ele coloca uma fitinha agradecendo pela conquista e se desafiando a fazer um pedal maior depois” – explica o padre Gaspar. A inauguração do local ocorreu no domingo (11/10) com bênção aos ciclistas. Além de “Cidade Poema”, São Fidélis pode ser considerada a “Cidade da Bicicleta”, já que ao ser retratada no livro “O Brasil que pedala”, aparece entre os 11 municípios onde mais se pedala no país. Organizado por André Soares, da União de Ciclistas do Brasil, e Daniel Guth, da Aliança Bike, com prefácio de Clarisse Linke, do ITDP Brasil e apoio do Itaú Unibanco, o livro foi lançado em 2019.
Nossa Senhora de Ghisallo
Madonna del Ghisallo é uma colina perto do Lago de Como, na Itália. Foi nomeada assim após uma lendária aparição mariana. Tornou-se um local de romaria para os viajantes, e como a região fazia parte do Giro di Lombardia, importante prova ciclística italiana, o padre local propôs que a santa fosse declarada padroeira dos ciclistas. A sugestão foi acatada pelo Papa Pio XII e a igreja de Nossa Senhora de Ghisallo foi consagrada oficialmente em 1949. O santuário da Madonna del Ghisallo contém um pequeno museu de ciclismo e uma chama eterna pelos ciclistas já falecidos.

Mais do SFn